Meteorologia

  • 04 DEZEMBRO 2020
Tempo
15º
MIN 6º MÁX 15º

Edição

Nakajima sorri novamente com segunda oportunidade de Conceição

Médio ofensivo japonês esteve sete meses afastado das escolhas do técnico portista. Voltou, já foi titular, e tem somado vários minutos. Uma nova vida para o nipónico no Dragão?

Nakajima sorri novamente com segunda oportunidade de Conceição

Shoya Nakajima somou, até ao momento, 122 minutos esta temporada. Pouco tempo, é certo, mas pode servir como um indicativo de uma nova oportunidade no Dragão. Isto porque, é importante não esquecer, o japonês esteve sete meses arredado das escolhas de Sérgio Conceição.

Pandemia afastou-o das opções

Após ter sido suplente frente ao Rio Ave, no dia 7 de março de 2020, Nakajima só voltou a ser convocado por Sérgio Conceição no Clássico desta temporada, frente ao Sporting. Foram sete meses de ausência, depois de o japonês ter demonstrado que não queria fazer parte do grupo de trabalho.

Alegadamente, o medo de contrair o novo coronavírus fez Nakajima estar em isolamento, mesmo quando o campeonato tinha recomeçado. A sua mulher é asmática e, num primeiro momento, Nakajima tomou uma decisão diferente de todos os restantes companheiros, que regressaram aos treinos com vista a termina a época desportiva. 

Sérgio Conceição remeteu este problema para a direção do clube, mas a verdade é que, até final da épocaNakajima nunca mais foi chamado. O internacional nipónico recomeçou os treinos ainda em 2019/20, mas a chegada tardia fez com que o treinador dos dragões não contasse consigo na época que valeu o título de campeão nacional e vencedor da Taça de Portugal.

O início da 2.ª oportunidade

Chamado para o encontro diante do Sporting, da 4.ª jornada da I Liga, Shoya Nakajima voltou às opções de Conceição. O Clássico marcou o regresso do japonês às convocatórias, mas só no jogo com o Manchester City, para a Liga dos Campeões, o japonês voltou a pisar um relvado em competição.

Nakajima alinhou durante 13 minutos na formação azul e branca e no encontro seguinte mereceu a titularidade. Diante do Gil Vicente, o japonês ajudou o FC Porto a chegar à vitória com uma assistência para golo (1-0) e, novamente na Liga dos Campeões, o médio foi utilizado frente ao Olympiacos.

O futebolista japonês jogou mais 30 minutos e contribuiu para a primeira vitória dos dragões na Champions esta temporada. Três jogos, uma assistência e 122 minutos disputados. Este é um sinal claro de que Nakajima está a ter uma segunda vida de dragão ao peito. A qualidade está lá, resta saber se o jogador de 26 anos terá a consistência e a agressividade necessárias para ser um dos eleitos de Sérgio Conceição daqui para a frente.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório