Meteorologia

  • 31 OUTUBRO 2020
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 23º

Edição

Liga de Futebol define três fases para o regresso do público aos estádios

A Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) delineou um plano de três fases para o regresso do público aos estádios, que tem início no sábado com o jogo da I Liga entre Santa Clara e Gil Vicente.

Liga de Futebol define três fases para o regresso do público aos estádios
Notícias ao Minuto

13:10 - 01/10/20 por Lusa

Desporto Covid-19

A diretora executiva da LPF, Sónia Carneiro, disse hoje, em Coimbra, numa conferência de imprensa no Estádio Cidade de Coimbra, que o plano, sujeito à evolução da pandemia da covid-19, envolve vários testes pilotos, distribuídos por três fases, num processo "que se quer evolutivo".

A primeira fase, que tem início já no próximo sábado com o jogo Santa Clara-Gil Vicente, com a possibilidade de registar uma assistência de 1.000 pessoas, num estádio com capacidade para 10 mil espetadores.

Numa segunda fase, a LPFP pretende uma assistência máxima de 2.500 pessoas, sem ocupar 20% da capacidade do estádio e, numa terceira fase, 5.000 pessoas sem ultrapassar uma ocupação de 30% do estádio.

"Depois destes testes piloto, o objetivo é conseguirmos a ocupação, de pelo menos, 30% das bancadas de todos os estádios", salientou Sónia Carneiro.

Segundo Sónia Carneiro, os testes pilotos vão permitir à LPFP concluir, em termos de público dos clubes, a forma como chegam aos estádios e os circuitos de acesso e a sinalética que é necessário implementar.

"Sentimos que podemos fazer estes testes e que, seguramente, os faremos com sucesso, porque falamos repetidamente com colegas de outras ligas que já as experimentaram e conseguiram mostrar um comportamento adequado do público", frisou.

Presente na conferência de imprensa, o pneumologista Filipe Froes, coordenador do gabinete de crise da covid-19 da Ordem dos Médicos e consultor da LPFP, salientou: "se queremos dar exemplos de cidadania e responsabilidade individual e coletiva termos de dar essa oportunidade dos adeptos o poderem demonstrar".

Para o médico, a presença de público nos estádios é um "teste à cidadania, responsabilidade individual e coletiva" no combate à pandemia da covid-19, em que todos têm "responsabilidade individuais e coletivas" perante os outros.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório