Meteorologia

  • 12 AGOSTO 2020
Tempo
20º
MIN 18º MÁX 26º

Edição

Vlachodimos quer ficar no Benfica e só sai para um 'tubarão'

Clube da Luz pretende manter o guarda-redes para a próxima temporada, apesar da chegada quase certa de Helton Leite.

Vlachodimos quer ficar no Benfica e só sai para um 'tubarão'

De pedra e cal na baliza. Não há melhor expressão para definir aquele que é, neste momento, o cenário mais desejado, quer por Odysseas Vlachodimos, quer pelos responsáveis do Benfica, no que ao planeamento da próxima temporada diz respeito.

O Desporto ao Minuto sabe que, apesar da incessante procura por um novo guarda-redes nos passados mercados de transferências de verão e de inverno, o clube da Luz olha, neste momento, para o internacional grego como o homem certo para o lugar.

Um sentimento que, de resto, é recíproco, uma vez que também o jogador natural de Estugarda não mostra, para já, qualquer sinal de pretender abandonar os encarnados num futuro próximo, salvo alguma circunstância excecional.

O guardião de 26 anos sente-se feliz no Benfica - e em Lisboa - e só equacionará 'mudar de ares' no decorrer do defeso caso lhe chegue às mãos uma proposta oriunda de uma equipa dos principais campeonatos europeus que lute por elevados objetivos.

A direção liderada por Luís Filipe Vieira, por sua vez, mantém total confiança em Odysseas Vlachodimos, jogador com o qual, recorde-se, renovou contrato há menos de um ano, até 2024, mantendo uma cláusula de rescisão no valor de 60 milhões de euros.

Helton Leite não assusta

A posição do Benfica quanto a Odysseas Vlachodimos não invalida, ainda assim, a praticamente fechada contratação de Helton Leite ao Boavista para a próxima temporada, num negócio que deverá levar a um investimento de cerca de 1,5 milhões de euros.

Fontes contactadas pelo Desporto ao Minuto garantem, no entanto, que o guarda-redes grego está confiante em manter a titularidade em 2020/21, até porque já deu provas mais do que suficientes de que se consegue manter imune à pressão da concorrência.

Há praticamente um ano, por exemplo, o Benfica chegou a acordo com a Juventus tendo em vista a aquisição de Mattia Perin por 15 milhões de euros. O italiano chegou a Lisboa, cumpriu exames médicos e foi devolvido à procedência devido a questões relacionadas com o estado físico.

A transferência foi adiada para janeiro, quando foi, por fim, dada por cancelada. Uma situação que não foi, de todo, simpática para Odysseas Vlachodimos, que, no entanto, se manteve impávido e sereno ao mesmo tempo que se consolidava como um dos mais preponderantes jogadores dos encarnados.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório