Meteorologia

  • 05 JULHO 2020
Tempo
35º
MIN 18º MÁX 37º

Edição

Bruno Costa Carvalho quer ir a votos: "Benfica não pode ser a Venezuela"

Adversário de Luís Filipe Vieira defende que a "não aceitação" da sua candidatura "seria uma vergonha" para o clube.

Bruno Costa Carvalho quer ir a votos: "Benfica não pode ser a Venezuela"

Bruno Costa Carvalho reforçou, esta quarta-feira, o desejo de ir a votos nas eleições para a presidência do Benfica, que estão agendadas para o próximo mês de outubro, apesar de o atual número de anos de sócio (18) ficarem aquém dos 25 exigidos pelos estatutos do clube.

Em nota publicada através das plataformas oficiais, o empresário - que perdeu para Luís Filipe Vieira no sufrágio de 2009, ano anterior à alteração dos estatutos - defendeu que "quem já se candidatou é evidente que fica com esse direito para sempre".

"O Benfica não pode ser uma Venezuela em que na secretaria se eliminam adversários. Toda a gente entende isso. A não aceitação da minha candidatura seria uma vergonha para o Sport Lisboa e Benfica e os actuais dirigentes não se podem comportar como Nicolas Maduro", atirou.

Bruno Costa Carvalho diz não pretender "nenhuma situação de favor nem atropelar os estatutos", mas escreve que "há precedentes" que lhe dão "toda a razão". Um deles envolve o próprio Luís Filipe Vieira, que "provavelmente não cumpria os 25 anos necessários em 2012".

"Tudo isto são precedentes muito sérios e derivam de estatutos esdrúxulos, mas o ponto central é que, numa democracia, não se pode recorrer à secretaria para retirar capacidade electiva a quem a já teve. Se se entende bem isso com o exemplo venezuelano, também se percebe, por maioria de razão, com o Benfica", remata.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório