Meteorologia

  • 03 ABRIL 2020
Tempo
19º
MIN 7º MÁX 20º

Edição

Notas do Sp.Braga-Rangers: Pedreira de pé frio para coração muito 'Kent'

Equipa minhota foi eliminada nos 16-avos de final da Liga Europa.

Notas do Sp.Braga-Rangers: Pedreira de pé frio para coração muito 'Kent'

A Escócia saiu há poucos meses da Europa, por força do Brexit, mas no futebol foi o Sporting de Braga a despedir-se das lides europeias, por força da dupla derrota imposta pelo Glasgow Rangers nos 16-avos de final da Liga Europa.

Se em Glasgow, a eliminatória parecia bem encaminhada com um 2-0 no marcador, três golos dos pupilos de Steven Gerrard deixaram os 'protestantes' com uma viagem a Portugal bem mais sorridente.

Os primeiros minutos no Municipal de Braga mostraram um emblema anfitrião a querer ser dono e senhor da bola, para um Rangers que espreitava o contra-ataque e a velocidade para aplicar o xeque-mate na eliminatória.

Em abono da verdade a primeira grande oportunidade dos arsenalistas apenas surgiu aos 26 minutos por Paulinho, mas McGregor negou a felicidade ao português. No final da etapa inicial, Hagi teve a oportunidade de desbloquear o marcador, mas falhou da marca do castigo máximo, ou melhor... São Matheus, após uma grande intervenção, continuou a manter intacto o sonho do Sp. Braga.

Porém, na etapa complementar, 16 minutos bastaram para Kent derrubar as esperanças lusitanas, na sequência de um fantástico passe de Hagi. As oportunidades para o clube da cidade dos arcebispos mantiveram-se, mas McGregor e a falta de pontaria não deram espaço para um final feliz. 

Confira os destaques deste Sp. Braga-Glasgow Rangers:

Figura do jogo: Ryan Kent marcou o golo decisivo na Pedreira e que deixou os escoceses com pé e meio nos oitavos de final, logo aos 61 minutos de jogo. À margem do remate certeiro foi um dos jogadores mais desequilibradores no setor ofensivo do Rangers. Formou com Hagi uma dupla 'infernal' no Municipal de Braga.

Surpresa do jogo: Se Trincão é o jogador com maior virtuosismo nos pés e capaz de dobrar defesas em dois, perante os toques acima da média que opera dentro de campo, a distinção para surpresa da partida tem de ir para Paulinho. O avançado português foi o que mais batalhou no esquadrão luso para chegar ao tão desejado golo, todavia nem McGregor nem o poste o ajudaram a ter um final feliz.

Desilusão do jogo: Quem o viu e quem o vê... Ricardo Horta passou completamente à margem de um encontro, onde se pedia muito mais do avançado de 25 anos. Não deu  resposta em termos ofensivos, pairando na sua zona de ação um jejum de ideias aflitivo. Paulinho merecia efetivamente melhor companhia nesta partida.

Treinadores

Rúben Amorim: Mérito para a estratégia montada em termos ofensivos e do qual o Sp.Braga só não extraiu frutos por mérito de McGregor, demérito da pontaria de Paulinho e com algum azar à mistura, mas a defender os pupilos de Rúben Amorim não estiveram nos seus dias. O treinador dos minhotos tem prontamente de corrigir a falta de sincronismo que faltou no reduto mais recuado dos arsenalistas. Demasiados espaços concedidos entre os centrais, assim como entre as zonas compreendidas entre o eixo da defesa e as laterais. 

Steven Gerrard: O Glasgow Rangers não realizou um jogo com nota artística elevada na Pedreira, mas Steven Gerrard soube ler e colocar em prática as melhores ideias para este encontro. Ao mais puro estilo do futebol britânico, o antigo futebolista do Liverpool apostou no contra-ataque, na profundidade e na velocidade para levar de vencido um 'rochoso' e perigoso oponente. Gerrard não deu um recital de poesia em Braga, mas ganhou o passaporte para os 'oitavos' após uma soberba leitura sobre o seu adversário.

Árbitro da partida: Andreas Ekberg não foi o protagonista do jogo e esse é o melhor elogio que se pode fazer a um árbitro. O juiz sueco não errou nos lances capitais da partida e esteve bem ao assinalar a grande penalidade a favor do Rangers, por falta de Raúl Silva, assim como acertou ao invalidar o golo aos escoceses, por fora de jogo de Arfield.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório