Meteorologia

  • 27 FEVEREIRO 2021
Tempo
12º
MIN 11º MÁX 20º

Edição

Champions: Bruma não evita eliminação do PSV. Pedro Martins qualifica-se

Em Atenas, o Olympiacos, que na primeira mão tinha empatado 0-0 na visita à República Checa, construiu o triunfo na segunda parte, com golos do brasileiro Guilherme, aos 51 minutos, do espanhol Miguel Guerrero, aos 70, e um autogolo de Radim Reznik, aos 71.

Champions: Bruma não evita eliminação do PSV. Pedro Martins qualifica-se

O Olympiacos, treinado pelo português Pedro Martins, venceu hoje por 4-0 o Viktoria Plzen e apurou-se para a terceira pré-eliminatória da Liga dos Campeões de futebol, enquanto o PSV foi eliminado pelo Basileia, apesar do golo de Bruma.

Em Atenas, o Olympiacos, que na primeira mão tinha empatado 0-0 na visita à República Checa, construiu o triunfo na segunda parte, com golos do brasileiro Guilherme, aos 51 minutos, do espanhol Miguel Guerrero, aos 70, e um autogolo de Radim Reznik, aos 71.

Com os portugueses José Sá, Rúben Semedo e Daniel Podence de início, o conjunto grego fechou a goleada aos 82 minutos, precisamente com um tento do central luso, que se estreou a marcar com a camisola dos helénicos.

O Olympiacos terá pela frente os turcos do Basaksehir na terceira pré-eliminatória, em que não estará o PSV. Os holandeses não tiraram partido da vitória caseira conquistada na primeira mão, por 3-2, e foram derrotados por 2-1 na visita a Basileia.

Eray Comert colocou os suíços em vantagem, aos oito minutos, mas o internacional português Bruma, que já tinha marcado na partida da semana passada, voltou a deixar 'marca', empatando o encontro, aos 23, num cabeceamento 'fulminante'.

Contudo, seria precisamente um holandês, com ligações ao futebol luso, a resolver o encontro a favor do Basileia. O antigo avançado do Sporting Ricky van Wolfswinkel aproveitou as facilidades dentro da área do PSV e marcou o golo da vitória, aos 63 minutos, colocando os helvéticos na próxima fase, na qual vão defrontar o vice-campeão austríaco Lask Linz.

Além de Olympiacos e Basileia, também seguem para a terceira pré-eliminatória da 'Champions' Celtic, APOEL, Cluj, Dinamo de Zagreb e Ferencvaros.

O Celtic, campeão europeu em 1967, confirmou o favoritismo perante o Nomme Kaliju e, depois da goleada por 5-0 na primeira mão, saiu da Estónia com novo triunfo, por 2-0, com golos de Aleksandr Kulinits, na própria baliza, aos 10 minutos, e Marian Shved, aos 90+3.

Na próxima ronda, os escoceses vão defrontar os romenos do Cluj, que empataram 2-2 na visita ao Maccabi Telavive e capitalizaram o triunfo alcançado na semana passada, por 1-0. O português Mário Camora foi titular no conjunto romeno, enquanto o lateral luso André Geraldes foi lançado na formação israelita na segunda parte.

Os croatas do Dinamo de Zagreb e os cipriotas do APOEL alcançaram ambos vitórias por 3-0, os primeiros sobre os georgianos do FC Saburtalo (agregado de 5-0) e os segundos perante os montenegrinos do FK Sutjeska (agregado de 4-0). Já os húngaros do Ferencvaros foram a Malta empatar 1-1 com o Valletta, depois do triunfo caseiro por 3-1.

Na quarta-feira, realizam-se as restantes cinco partidas da segunda mão da segunda pré-eliminatória: HJK-Estrela Vermelha (0-2, na primeira mão), AIK-Maribor (1-2), Qarabag-Dundalk (1-1), Rosenborg-BATE Borisov (1-2) e Copenhaga-The New Saints (2-0).

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório