Meteorologia

  • 21 ABRIL 2024
Tempo
19º
MIN 15º MÁX 24º

Festival Literatura em Viagem leva turco Orhan Pamuk a Matosinhos

O Festival LeV -- Literatura em Viagem, que decorre em Matosinhos de 08 a 14 de abril, tem como convidado especial o escritor turco Orhan Pamuk, Prémio Nobel da Literatura de 2006, anunciou hoje a câmara municipal.

Festival Literatura em Viagem leva turco Orhan Pamuk a Matosinhos
Notícias ao Minuto

23:34 - 03/04/24 por Lusa

Cultura Literatura

Este evento, de entrada livre, vai espalhar-se por três locais de Matosinhos, no distrito do Porto, nomeadamente pela Biblioteca Municipal Florbela Espanca, pelo salão nobre dos Paços do Concelho e pelo Teatro Municipal Constantino Nery, referiu a autarquia, no seu 'site'.

Além de Orhan Pamuk, de 71 anos, que é um dos principais nomes da literatura turca e que tem a sua obra traduzida em mais de 20 idiomas, o festival vai contar com as presenças de Miguel Esteves Cardoso, Valter Hugo Mãe, Afonso Cruz, Joaquim Arena, Rafael Gallo, Carlos Matos Gomes, Mário Rufino, Rui Tavares, Álvaro Cúria, Isabela Figueiredo, Inês Pedrosa, Madalena Sá Fernandes e Dulce Maria Cardoso.

No dia 12 de abril, pelas 21:30, o salão nobre da Câmara Municipal de Matosinhos será palco de uma entrevista a Valter Hugo Mãe, conduzida pelo jornalista Sérgio Almeida, seguindo-se, às 22:00, o espetáculo "O que a chama iluminou", com Afonso Cruz e Mariana Correia, baseado na experiência deste escritor no Chile durante os protestos em 2019.

No dia seguinte, às 11:00, será lançado o livro "Guia literário de Matosinhos", que pretende dar a conhecer o património literário do território atravessando séculos de história, escritores, locais e personagens de livros, na Biblioteca Municipal Florbela Espanca. Esta sessão contará com a participação de Maria Inês Castanheira, Catarina Rocha, Joel Cleto e Fernando Rocha.

No último dia do festival, o destaque vai para as entrevistas conduzidas pela jornalista Maria João Costa a Miguel Esteves Cardoso, pelas 15:00, e ao escritor turco Orhan Pamuk, pelas 16:30.

O LeV terá ainda em exibição na Biblioteca Municipal Florbela Espanca exposições, algumas das quais inseridas nas comemorações dos 50 anos do 25 de Abril.

A exposição documental "Antes e depois -- O poder local em Matosinhos" mostra um conjunto de documentos que testemunham o antes e o depois da Revolução dos Cravos com especial destaque para as primeiras eleições autárquicas livres de dezembro de 1976.

De 10 de abril a 31 de maio, a exposição "Impressões sobre o 25 de Abril" mostrará o dia seguinte pelo olhar da imprensa.

Ainda alusiva a esta temática será possível visitar, no espaço infantil da biblioteca municipal, a exposição "Um olhar infantil sobre o 25 de Abril" com os trabalhos elaborados pelos alunos do 4º. ano do Jardim-Escola João de Deus e do 7.º ano do Agrupamento de Escolas Irmãos Passos.

Já na Galeria Municipal estará, de 10 a 14 de abril, uma mostra de obras de Vhils e Bordalo II.

No teatro municipal estará em palco, nos dias 13 e 14 de abril, a peça de teatro-dança "Acts of Cod", que conta a história do bacalhau desde a perspetiva do pescador e da sociedade à do próprio bacalhau.

Paralelamente, e no âmbito do LEVzinho, haverá atividades e conversas nas escolas promovidas pelo Programa de História na Esfera Pública do Instituto de História Contemporânea, assim como sessões para o público escolar na biblioteca municipal onde os autores Clara Não, Nuno Camarneiro, Isabel Rio Novo e Afonso Cruz vão partilhar o seu trabalho e a sua experiência com os alunos do concelho.

Leia Também: Nobel expõe caráter antiguerra da arte no Dia Mundial do Teatro

Recomendados para si

;
Campo obrigatório