Meteorologia

  • 22 JANEIRO 2022
Tempo
11º
MIN 5º MÁX 14º

Edição

Cenas de Teatro apresenta criações a partir de textos de cinco autores

Cinco textos de cinco autores dramáticos são o ponto de partida para o ciclo de espetáculos Cenas de Teatro, que decorre em diferentes espaços culturais da cidade de Faro, entre dezembro e julho de 2022.

Cenas de Teatro apresenta criações a partir de textos de cinco autores
Notícias ao Minuto

18:13 - 05/12/21 por Lusa

Cultura Faro

Em comunicado, a organização adianta que a primeira criação a apresentar será "Morro como País", a partir da peça homónima de Dimitris Dimitriádis, que se estreia em 17 de dezembro, com repetição no dia seguinte, na Associação 289, em Faro.

Os espetáculos são sempre antecedidos por sessões de leitura teatral, nas quais o público interessado "lê em voz alta a peça teatral a partir da qual se constrói o texto levado à cena" e que, no caso do primeiro espetáculo, decorrem nos dias 09, 10 e 11 dezembro, também na Associação 289.

Segundo a organização, os objetivos do ciclo são "pensar, falar, fazer e dar a ver teatro", o que não se pode dissociar "da intenção de formar e sensibilizar o público para as artes e temas humanos contemporâneos comuns que as expressões artísticas capturam".

Depois de Dimitris Dimitriádis, serão levadas a cena criações a partir das obras "Antígona", de Sófocles, "Terrorismo", dos irmãos Presniakov, "Dois homens", de José Maria Vieira Mendes, e "O fim das possibilidades", de Jean-Pierre Sarrazac.

De acordo com a organização, serão integrados estudantes estagiários do Curso Profissional de Artes do Espetáculo da Escola Secundária Tomás Cabreira, em Faro, em diferentes etapas e atividades, desde a interpretação à assistência de camarins.

Nas sessões de leitura teatral não há "qualquer pretensão de atuação performativa", mas sim o objetivo de "ajudar o leitor espetador a compreender a situação dramática proposta pelo texto teatral", havendo uma orientação da equipa artística.

A participação é gratuita e aberta a maiores de 14 anos, com ou sem experiência artística.

Além da Associação 289, os espetáculos e leituras decorrem também na antiga Fábrica da Cerveja, no Centro de Artes Performativas do Algarve (CApa), na Biblioteca Municipal de Faro e no Club Farense.

Com direção artística de Neusa Dias, o projeto tem o apoio da Direção-Geral das Artes, do Município de Faro e da Direção Regional da Cultura do Algarve.

Leia Também: Teatro Nacional São João repõe 'À Espera de Godot'

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório