Meteorologia

  • 09 DEZEMBRO 2021
Tempo
15º
MIN 12º MÁX 17º

Edição

Portugal é o país convidado do festival literário Cosmopoética de Córdoba

A 18.ª edição do festival literário e artístico Cosmopoética, realizado em Córdoba, na Andaluzia, de 12 a 20 de novembro, tem este ano Portugal como país convidado "para pôr em valor a senda da cultura lenta".

Portugal é o país convidado do festival literário Cosmopoética de Córdoba
Notícias ao Minuto

17:27 - 15/10/21 por Lusa

Cultura Andaluzia

O diretor literário da Cosmopoética, António Agredano, salientou durante a apresentação feita hoje do festival que se pretende "tirar partido desta homenagem a Portugal para pôr em valor a senda da cultura lenta".

António Agredano explicou que, com esta proposta, "tanto escritores como leitores, no rescaldo da pandemia, têm a opção de se reiniciarem, de repensar a literatura, longe das correrias e da busca frenética do júbilo".

Cosmopoética é um festival literário e artístico realizado anualmente em Córdoba desde 2004, sendo organizado pela Câmara Municipal de Córdoba com o patrocínio da Província de Córdoba, da Comunidade Autónoma da Andaluzia e do Ministério da Cultura espanhol.

Na edição de 2021 da Cosmopoética vão estar presentes as "vozes clássicas" da poesia portuguesa, como Fernando Pessoa e Al Berto (pseudónimo de Alberto Raposo Pidwell Tavares), que serão "amplamente representadas e lidas".

Segundo os organizadores, também haverá interesse em conhecer as diferentes tendências da poesia portuguesa através de autores de diferentes gerações.

O poeta, escritor e ensaísta Nuno Júdice, que já publicou mais de setenta obras de poesia, ficção e ensaios desde 1972, vai deslocar-se a Córdoba.

A sua obra valeu-lhe importantes prémios literários, tais como o Prémio Rainha Sofia de Poesia Ibero-Americana, em 2013, e o Grande Prémio de Poesia María Amália Vaz de Carvalho, no ano passado.

Ele será acompanhado por Ana Luísa Amaral, "uma das figuras mais importantes da literatura portuguesa das últimas três décadas", vencedora do Prémio Rainha Sofia de Poesia Ibero-Americana 2020.

Gonçalo M. Tavares e Maria João Cantinho irão também apresentar o seu trabalho, juntamente com as propostas dos jovens autores portugueses de "grande renome internacional", como Sara F. Costa e Andreia C. Faria.

A par destes autores portugueses, o festival vai contar também com a presença de "alguns dos nomes mais importantes" da poesia contemporânea espanhola, como Miren Agur Meabe, o primeiro autor a ganhar o Prémio Nacional de Poesia com uma obra em língua basca, e Diego Doncel, recentemente galardoado com o Prémio Loewe.

Leia Também: Mão Morta e Bizarra Locomotiva no festival Back to Back em Lisboa e Porto

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório