Meteorologia

  • 04 OUTUBRO 2022
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 31º

Anthony Hopkins vence Óscar de Melhor Ator, na única surpresa da noite

Favorito para vencer o Óscar de Melhor era Chadwick Boseman, mas Anthony Hopkins acabou por reunir as preferências dos membros da Academia.

Anthony Hopkins vence Óscar de Melhor Ator, na única surpresa da noite

A poderosa interpretação de Anthony Hopkins em 'The Father', de Florian Zeller, conseguiu-lhe, este domingo, o segundo Óscar da sua carreira. O momento, porém, foi anticlimático, uma vez que esta categoria foi deixada para o final da cerimónia e o ator britânico não compareceu, originando um estranho e abrupto final à mesma.

Na representação masculina, além de Hopkins, estavam indicados Chadwick Boseman (a título póstumo por Ma Rainey's Black Bottom), Riz Ahmed ('Sound of Metal'), Gary Oldman ('Mank') e Steven Yeun ('Minari').

Esta terá sido a categoria, aliás, onde se denotou alguma surpresa uma vez que Chadwick Boseman, falecido em agosto do ano passado, era apontado como favorito, até pelos prémios que foi recolhendo. Chadwick venceu a categoria de Melhor Ator nos Globos de Ouro, Sindicato dos Atores dos EUA (SAG Awards) e no Critics Choice Awards, enquanto Hopkins venceu o prémio da Academia Britânica das Artes Cinematográficas e da Televisão (BAFTA) e Riz Ahmed levou o galardão de interpretação nos Independent Spirit Awards.

Anthony Hopkins conquistou, então, o segundo Óscar de Melhor Ator, 30 anos após a sua distinção pelo papel em 'The Silence of the Lambs' (1992), de Jonathan Demme.

Esteve ainda nomeado, como ator principal, nos filmes 'The Remains of the Day' (1993) e 'Nixon' (1995). Como ator secundário, foi nomeado em 'Amistad' (1997) e 'The Two Popes' (2019).

Leia Também: 'Nomadland' foi o vencedor em noite morna e com um final muito estranho

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório