Meteorologia

  • 19 SETEMBRO 2019
Tempo
24º
MIN 17º MÁX 27º

Edição

Sudoeste abre quarta-feira e espera "enchente" de 160 mil festivaleiros

A 23.ª edição do Festival Sudoeste, que arranca na quarta-feira, espera uma "enchente" de 160 mil festivaleiros, a maior desde 2011, na Herdade da Casa Branca, Zambujeira do Mar (Odemira), segundo a organização.

Sudoeste abre quarta-feira e espera "enchente" de 160 mil festivaleiros
Notícias ao Minuto

20:30 - 05/08/19 por Lusa

Cultura Festival

"Já não me lembrava de uma enchente destas desde 2011, que foi o ano do Eddie Vedder, e de facto ao dia de hoje já ultrapassámos as 32 mil pessoas por dia nas bilheteiras do festival, o que permite estabelecer como meta as 40 mil pessoas por dia", disse hoje o promotor, Luís Montez, em declarações à agência Lusa.

Para a "enchente" de público que é esperada em Odemira, no distrito de Beja, até sábado, a organização apostou num cartaz musical "fortíssimo", dirigido a diferentes públicos, com destaque para Anitta, na abertura do festival (quarta-feira), Post Malone, na quinta-feira, e Joss Stone e Timmy Trumpet, no sábado.

"Este ano, temos dois picos de público, na quarta e na quinta-feira, com as atuações de Anitta e Post Malone, que atraem mais público ao festival, além do que adquire passe para todos os dias. Estamos a falar do público mais novo, que ainda não tem autorização dos pais para acampar no Sudoeste", explicou Luís Montez.

Reconhecendo ter "ficado impressionado" com o público que Anitta "arrasta", o responsável assegurou que o arranque do festival "vai ser uma festa com 'mucho' calor".

"No sábado, vamos ter aqui um grande espetáculo de Timmy Trumpet, que, para muitos, é o grande dj da atualidade, é capa este mês da [revista] DJ MAG como tendo o mundo aos seus pés", além de Steve Aoki que "já é quase um dj residente do Sudoeste", adiantou.

Para fazer face ao aumento de público previsto este ano, a organização, que começou a montagem do festival há cerca de um mês, garantiu "mais segurança e limpeza" no interior do recinto e "mais estacionamento" junto à Herdade da Casa Branca, onde decorre o festival.

"Claro que estas enchentes trazem mais responsabilidades, porque temos de receber bem essas pessoas e para isso queremos garantir, durante os quatro dias, mais segurança, limpeza, casas de banho e mais estacionamento, com a criação de um parque do outro lado da estrada", junto ao recinto, referiu.

Além do cartaz musical, o convívio, o campismo, os mergulhos no canal e a praia são outros dos "ingredientes" que tornam o Festival Meo Sudoeste num dos mais atrativos para o público jovem, que, desde o último fim de semana, chega às centenas para uma semana de férias no litoral alentejano.

Depois de no ano passado ter recebido 147 mil pessoas, o festival abre na quarta-feira, mas já na terça-feira, em jeito de "aquecimento", oferece a habitual receção ao campista, a partir das 23:00, com as atuações de Zinko, Putzgrilla e Ghastly, onde são esperados milhares de festivaleiros.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório