Meteorologia

  • 23 SETEMBRO 2019
Tempo
20º
MIN 14º MÁX 25º

Edição

'By The Name of Tania' vence Festival de Documentário de Melgaço

O filme 'By The Name of Tania', de Mary Jimenez e Bénédicte Liénard, venceu os prémios Jean Loup Passek e Dom Quixote, na sexta edição do Festival Internacional de Documentário de Melgaço, anunciou hoje a organização.

'By The Name of Tania' vence Festival de Documentário de Melgaço
Notícias ao Minuto

20:05 - 04/08/19 por Lusa

Cultura Filme

Apresentado em estreia mundial, em fevereiro, no Festival de Cinema de Berlim, o documentário filmado no Peru "retrata a história de uma jovem iludida e forçada a prostituir-se 'até progressivamente perder quase todos os seus traços de identidade'", pode ler-se no comunicado da organização do festival de Melgaço, que este ano atribuiu todos os prémios a mulheres.

"Ao decidirem fazer uso de técnicas ficcionais, as realizadoras permitiram ao espetador assistir à perpetração de um crime a partir de dentro e acompanhar o percurso de uma vítima que representa muitas outras. Simultaneamente, as realizadoras atrevem-se a esteticizar os corpos das vítimas, desafiando o voyeurismo do espetador", realçou o júri, constituído por Alexandra Wesolowski, Iman Behrouzi, Maria Pinto Martin, Sandra Regina Nunes e Tiago Baptista.

A mesma coprodução belga e holandesa foi ainda distinguida com o prémio Dom Quixote, atribuído pela primeira vez em Melgaço, numa colaboração com a Federação Internacional de Cineclubes.

O júri, neste caso constituído por Mónica Ferreira, do Cineclube da Bairrada, Konrad Domaszewski, do Cineclube de Varsóvia (Polónia), e Trond Leirvik Onarheim, do Stord Film Society (Noruega), destacou uma obra que "permite várias camadas de interpretação, através de memórias e emoções", levando o espetador "numa jornada que acompanha a personagem principal, induzindo um estado de hipnose e deslumbramento, como sonâmbulo".

O prémio de melhor documentário português foi para 'Fordlandia Malaise', de Susana de Sousa Dias, enquanto a melhor curta ou média-metragem internacional foi para 'Terra', de Julia Kushnarenko.

Organizado desde 2014, o até aqui designado Filmes do Homem resulta de uma parceria entre a associação Ao Norte e a Câmara Municipal de Melgaço com o objetivo de "promover e divulgar o cinema etnográfico e social, refletir sobre identidade, memória e fronteira e contribuir para um arquivo audiovisual sobre a região".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório