Meteorologia

  • 19 JUNHO 2019
Tempo
21º
MIN 19º MÁX 22º

Edição

'Museu das Descobertas' mostra 117 peças no Museu de Arte Antiga

Uma exposição com 117 peças provenientes do acervo do Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA), em Lisboa, sob o "título provocatório" de 'Museu das Descobertas', vai ser inaugurada na quinta-feira.

'Museu das Descobertas' mostra 117 peças no Museu de Arte Antiga
Notícias ao Minuto

11:45 - 26/05/19 por Lusa

Cultura Exposição

Trata-se da última exposição desenhada pela direção cessante, composta pelo diretor, António Filipe Pimentel, que tinha anunciado a saída para junho, e por José Alberto Seabra Carvalho, diretor-adjunto, que sai por aposentação.

Fonte do museu indicou à agência Lusa que a exposição irá reunir vários tipos de peças provenientes do acervo do museu, num total de 117 obras, e é um projeto assinado por Anísio Franco, António Filipe Pimentel e José Alberto Seabra Carvalho.

Ao MNAA "pareceu oportuno levar a cabo a organização do presente projeto, abrigado sob a designação provocadora de ´Museu das Descobertas´, num tempo que assiste a uma renovada atualidade do conceito de museu, amplamente ilustrada na febre constitutiva de novas instituições", indica um texto sobre a nova exposição enviado à Lusa.

"O efeito transfigurador que o museu tem sobre o visi-tante é consequência de um mundo insuspeito de saberes, aplicados no contínuo trabalho de preservar, estudar e comunicar dissipando engano e dúvida", acrescenta o texto.

Sublinha ainda que "o museu existe para proporcionar uma experiência pessoal a quem o visita, fruto daquela que desenvolvem os que nele trabalham, dia após dia".

A 13 de maio, o Ministério da Cultura anunciou que o conservador da coleção de pintura do MNAA, Joaquim Caetano, vai assumir, em junho, o cargo de diretor daquele museu de Lisboa, sucedendo a António Filipe Pimentel.

Pimentel anunciou em janeiro que deixaria o cargo em junho "por falta de condições" para trabalhar numa instituição que "está no limite das forças", disse à Lusa, na altura.

Numa audição no parlamento, mais tarde, afirmou ter denunciado "a situação de rutura" da instituição a sucessivos ministros da Cultura, mas que nunca chegou a obter respostas às carências.

António Filipe Pimentel recordou que fez "denúncias sucessivas sobre as limitações orçamentais e a falta de recursos humanos", que tem obrigado ao encerramento temporário de várias salas do museu ao longo dos anos.

A nova exposição, 'Museu das Descobertas', ficará patente ao público no MNAA entre 31 de maio e 29 de setembro de 2019.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório