Meteorologia

  • 21 OUTUBRO 2018
Tempo
22º
MIN 21º MÁX 22º

Edição

Cotovia reabre com um novo espaço dedicado a editores independentes

A livraria Cotovia, em Lisboa, reabriu na semana passada, com um horário mais alargado e um espaço renovado que passa agora a albergar também editoras independentes, com livros de coleção de "espantosa qualidade".

Cotovia reabre com um novo espaço dedicado a editores independentes
Notícias ao Minuto

22:00 - 18/09/18 por Lusa

Cultura Livraria

Em comunicado, a livraria Cotovia revela que no piso térreo continua a ter, como dantes, os livros do seu catálogo, mas no recém-inaugurado primeiro andar -- e esta é a "grande novidade" -- representa vários "editores marginais".

"Marginais" ou "independentes", a Cotovia prefere chamar-lhes editores livres, porque "publicam o que querem, quando querem, em tiragens minúsculas", mas de "espantosa" qualidade, desde a poesia à Banda Desenhada.

"Verdadeiros artífices de livros de coleção, não entram nas cadeias de venda habituais; por isso o seu trabalho é invisível para a generalidade do público", afirma a Cotovia, sublinhando que os livros não são caros, apesar de serem raros.

Dois Dias, Douda Correria, Chili com Carne, Exclamação, Fenda, Figura d'Urso, Flanzine, Letra Livre, Mariposa Azual, Maldoror, Momo, Montag, Não Edições Pianola, Pierre Von Kleist, Saguão, Sulfúria, Triciclo e VS são as editoras, para já, representadas.

Situada na rua Nova da Trindade, em Lisboa, perto do Teatro da Trindade, a livraria Cotovia "arriscou" também um novo horário de funcionamento: das 12:00 às 21:00 -- encerra entre as 16:00 e as 17:00 -, convidando o público para um "copo ao fim de tarde".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório