Meteorologia

  • 02 JULHO 2022
Tempo
30º
MIN 15º MÁX 32º

Stellantis anuncia parceria com a Amazon

O construtor automóvel Stellantis anunciou na quarta-feira uma parceria com a Amazon para ligar os seus veículos, com a utilização dos servidores AWS do conglomerado norte-americano e do seu sistema de encomendas vocal Alexa.

Stellantis anuncia parceria com a Amazon

À margem do CES 2022, uma grande feira eletrónica em Las Vegas, os dois grupos anunciaram vários acordos, que os vai fazer colaborar no desenvolvimento de programas informáticos para o interior do veículo ou a armazenagem de dados.

Os construtores automóveis têm multiplicado alianças similares com empresas de tecnologia para equipar os seus veículos, cada vez mais elétricos e conectados. A Ford anunciou uma parceria com a Google, para a 'nuvem' (cloud) e as suas viaturas; a Renault já se tinha associado à Google; e a Microsoft tem entendimentos com a Volkswagen e a GM, para projetos de condução autónoma.

A Stellantis, nascida em 2021 da fusão da Peugeot-Citroen com a Fiat-Chrysler, vai transferir para os servidores AWS da Amazon toda a informação dos seus veículos, sobre os quais tem a expectativa de a procura disparar com a tecnologia 5G e as aplicações de condução autónoma.

O grupo vai também desenvolver, com a Amazon, os programas informáticos do que designa por 'Smart cockpit', uma plataforma eletrónica que será integrada no interior dos seus veículos, a partir de 2024, especificaram os dois grupos.

Esta parceria acrescenta-se a uma empresa conjunta com a Foxconn, de Taiwan, que concebe este 'smart cockpit' e microchips eletrónicos com a Stellantis.

A Amazon e a Stellantis "vão desenvolver uma série de produtos e serviços informáticos perfeitamente integrados no universo digital dos utilizadores, com atualizações 'over-the-air' (à distância), que vão acrescentar valor ao longo do tempo", detalharam estes grupos, em comunicado.

Cada uma das 14 marcas da Stellantis, entre as quais a Alfa Romeo, a Dodge ou a Opel, vai propor "experiências" diferentes no habitáculo, explicaram os dirigentes da Stellantis, durante uma conferência de imprensa em Las Vegas.

O 'Smart cockpit' inclui a assistência vocal da Amazon, a orientação GPS, a gestão da manutenção do veículo, as plataformas de compras em linha e os serviços de pagamento.

"A experiência pode ser totalmente personalizada, ou desativada, se for preciso", avançou Ned Curic, um ex-Amazon que agora é o principal responsável da Stellantis para a tecnologia. A informação recolhida pertence ao condutor.

Os automobilistas vão ter também acesso a um conjunto de aplicações, como se fosse um smartphone.

Os clientes dos serviços de segurança e da 'casa inteligente' da Amazon vão poder vigiar e gerir a sua habitação durante as suas viagens. Vão poder também, a partir da Alexa ou do smartphone, regular à distância a temperatura da viatura.

Por seu lado, a Amazon, que já é cliente da Stellantis, vai-lhe encomendar "milhares" de veículos elétricos "por ano" a partir de 2023 através da RAM, a sua marca de utilitários nos EUA.

Não foi revelado qualquer detalhe financeiro sobre a operação, mas o diretor-geral da Stellantis, Carlos Tavares, garantiu que era "uma parceria muito equilibrada".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Gosta de automóveis? Toda a informação num clique

Seja a Gasolina, diesel, elétricos, hidrogénio e dicas, acompanhe as mais recentes novidades sobre desporto motorizado

Obrigado por ter ativado as notificações de Auto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório