Meteorologia

  • 21 JUNHO 2024
Tempo
23º
MIN 14º MÁX 24º

Microsoft revela ferramenta para WhatsApp capaz de detetar emoções

Uma nova plataforma da Microsoft para empresas capaz de detetar emoções, analisar sentimentos e reconhecer intenções em mensagens da aplicação digital WhatsApp, permitindo-lhes assim obter "informações valiosas", foi pré-apresentada na terça-feira, com o nome Azure OpenAI Service.

Microsoft revela ferramenta para WhatsApp capaz de detetar emoções
Notícias ao Minuto

07:26 - 22/05/24 por Lusa

Tech Microsoft

Esta inovação, assente em inteligência artificial (IA), também concederá às empresas que pagarem para usar o servidor a capacidade de traduzir comunicações ou extrair frases-chave de conversas, revelou a gigante tecnológica no primeiro dia da sua conferência anual de programadores, Microsoft Build 2024.

Tal representa um passo importante para a utilização de dados de conversação procedentes de diversos canais, a começar pelo WhatsApp, para melhorar as comunicações entre utilizadores ou clientes e uma determinada empresa.

A Microsoft Azure é uma plataforma informática em nuvem já usada por 50.000 organizações e criada pela Microsoft para construir, testar e gerir aplicações e serviços utilizando dos seus centros de dados.

"O que mais me impressiona neste último ano é a forma como os programadores aproveitaram todas estas capacidades e estão a aplicá-las para mudar o mundo à nossa volta", afirmou o diretor executivo (CEO) da Microsoft, Satya Nadella, no seu discurso de abertura da conferência Build 2024.

Na sua tentativa de se posicionar e permanecer na vanguarda da IA, após os recentes anúncios de concorrentes como a Google, a Microsoft também já anunciou uma nova gama de computadores e 'tablets' -- batizados como Surface e Surface Pro, respetivamente - que foram concebidos para funcionar especificamente com IA.

Com o tema "Como vai a IA moldar o seu futuro?", a Microsoft proporá até quinta-feira dezenas de sessões para engenheiros de 'software', diversas demonstrações e palestras de executivos no evento em curso em Seattle, no Estado norte-americano de Washington, e transmitido por 'streaming'.

Presente na conferência anual da Microsoft, o seu principal investidor, Sam Altman, o líder da OpenAI (ChatGPT), congratulou-se com os progressos realizados em matéria de inteligência artificial, continuando as duas empresas a avançar a grande velocidade, apesar das polémicas.

"Fiquei muito surpreendido por gostar tanto do novo modo de voz", disse um sorridente Sam Altman a Kevin Scott, diretor de tecnologia da Microsoft, durante uma entrevista surpresa no palco.

O "modo vocal" do ChatGPT, revelado na semana passada, desencadeou uma grande polémica para a estrela da 'start-up' de Silicon Valley que lançou a revolução da IA generativa.

Acusado de ter copiado a voz da atriz norte-americana Scarlett Johansson para o novo modo de voz da assistente de IA, Sam Altman acabou por pedir desculpa e anunciar a suspensão de Sky, a voz em causa criada por IA.

Após os anúncios extravagantes do seu parceiro OpenAI e da concorrente Google, e bastante antes dos muito aguardados anúncios da Apple, em junho, foi a vez de a Microsoft mostrar esta semana as suas inovações em matéria de IA.

"Somos o líder da indústria da IA", escreveu o diretor de comunicações da Microsoft, Frank Shaw, num 'post' publicado num blogue, que resume os anúncios da gigante tecnológica.

Leia Também: O WhatsApp poderá começar a banir mais pessoas (muito) em breve

Recomendados para si

;

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório