Meteorologia

  • 05 FEVEREIRO 2023
Tempo
10º
MIN 8º MÁX 18º

Microsoft vai comprar empresa de 'Call of Duty' e 'World of Warcraft'

Desde o verão de 2021 que a Activision Blizzard está envolvida num escândalo em relação a práticas de assédio sexual e discriminação.

Microsoft vai comprar empresa de 'Call of Duty' e 'World of Warcraft'
Notícias ao Minuto

14:34 - 18/01/22 por Miguel Patinha Dias com Lusa

Tech Microsoft

A Microsoft anunciou a intenção de adquirir a Activision Blizzard, editora responsável pela produção de séries como ‘Call of Duty’, ‘World of Warcraft’, ‘Diablo’ e ‘Candy Crush’. O negócio está avaliado em 68,7 mil milhões de dólares (cerca de 60,4 mil milhões de euros).

As notícias destes negócio começaram por ser avançadas pelo The Wall Street Journal e foi mais tarde confirmado pelo líder da divisão Xbox, Phil Spencer, na respetiva página de Twitter. Esta aquisição ainda deverá ser avaliadas pelos reguladores e, até ser confirmada, as duas empresas continuarão a operar de forma independente.

“Estamos entusiasmados para trabalhar com os nossos amigos talentosos e dedicados na Activision Blizzard. Enquanto empresa, estamos comprometidos com a nossa jornada com a inclusão em todos os aspetos dos videojogos entre empregadores e tabalhadores”, pode ler-se no comunicado de Spencer partilhado pelo Twitter, mencionado o escândalo de assédio sexual em que a Activision Blizzard está envolvida desde o verão de 2021.

Quanto ao atual da CEO da Activision Blizzard, Bobby Kotick, sabe-se que manterá o lugar e reportará diretamente a Phil Spencer.

O executivo da Xbox adiantou que, assim que for fechado este negócio, todos os jogos da Activision Blizzard (tanto antigos como novos) chegarão ao serviço Xbox Game Pass que, de acordo com os últimos números da Microsoft, atingiu os 25 milhões de membros.

Esta é a mais recente aquisição de grandes dimensões na indústria de videojogos, isto depois de na semana passada ser anunciado que a Take-Two tinha intenções de comprar a Zynga por 11 mil milhões de euros. Recordar ainda que, em 2020, a Microsoft adquiriu todos os estúdios da Bethesda por 6,3 mil milhões de euros.

Conforme noticia a Associated Press (AP), o acordo vai permitir à Microsoft acelerar o segmento de jogos móveis e adquirir blocos de construção para o metaverso, um tipo de mundo virtual que tenta replicar a realidade através de dispositivos digitais.

Leia Também: Escândalo de assédio sexual leva Activision a despedir 37 pessoas

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório