Meteorologia

  • 24 ABRIL 2024
Tempo
24º
MIN 13º MÁX 24º

Homem que foi ao Espaço com William Shatner morre em acidente de avião

Um homem que foi ao espaço com o ator William Shatner, conhecido pelo papel de capitão Kirk na série 'Star Trek - O Caminho das Estrelas', morreu na sequência de uma queda de avião em Nova Jérsia (EUA).

Homem que foi ao Espaço com William Shatner morre em acidente de avião
Notícias ao Minuto

07:10 - 13/11/21 por Lusa

Tech Espaço

De acordo com as forças policiais, o turista espacial Glen M. de Vries, de 49 anos, da cidade de Nova Iorque, e Thomas P. Fischer, de 54 anos, de Hopatcong, estavam a bordo do monomotor Cessna 172 que caiu na quinta-feira, numa área arborizada no norte daquele estado norte-americana.

Não houve sobreviventes no acidente, indicou a polícia estadual.

Glen M. de Vries era um piloto particular qualificado e Thomas P. Fischer era dono de uma escola de aviação. As autoridades não disseram quem estava a pilotar o pequeno avião.

O avião havia saído do Aeroporto do Condado de Essex (Caldwell), na área de Nova Iorque, em direção ao Aeroporto Sussex, na zona rural do noroeste de Nova Jérsia, tendo a Administração Federal de Aviação alertado as agências de segurança pública para procurar a aeronave desaparecida pelas 15:00 locais (20:00, em Lisboa).

As equipas de emergência encontraram os destroços do avião em Hampton Township cerca das 16:00 locais (21:00, em Lisboa), adiantou a Administração Federal de Aviação.

Glen M. de Vries, cofundador de uma empresa de tecnologia, foi ao espaço, no mês passado, a bordo de um foguetão do magnata Jeff Bezos.

"Estamos arrasados ao saber da morte repentina de Glen de Vries", lamentou a Blue Origin, numa mensagem publicada no Twitter.

O empresário "trouxe muita vida e energia para toda a equipa Blue Origin e aos companheiros de tripulação. A sua paixão pela aviação, o seu trabalho de caridade e a sua dedicação ao ofício vão ser respeitados durante muito tempo", é acrescentado.

Glen M. de Vries cofundou a Medidata Solutions, empresa de 'software' especializada em investigação clínica, e foi vice-presidente da Dassault Systemes, que adquiriu a Medidata em 2019.

Thomas P. Fischer era proprietário da escola de aviação Fischer Aviation e era instrutor chefe, de acordo com o 'site' na Internet da empresa.

O Conselho Nacional de Segurança nos Transportes (NTSB) está a investigar o caso.

Leia Também: Setor espacial lança compromisso para reduzir lixo na órbita da Terra

Recomendados para si

;

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório