Meteorologia

  • 12 AGOSTO 2020
Tempo
21º
MIN 18º MÁX 26º

Edição

Covid-19: MIT cria robot capaz de desinfetar armazéns em 30 minutos

Os resultados dos testes são tão encorajadores que o robot poderá ser utilizado em supermercados, escolas, fábricas ou restaurantes.

Covid-19: MIT cria robot capaz de desinfetar armazéns em 30 minutos

A tecnologia tem sido importante para derrubar alguns dos obstáculos gerados pela pandemia de coronavírus. O MIT criou um robot que, através de luz ultravioleta, é capaz de desinfetar grandes espaços como armazéns, por exemplo, em cerca de 30 minutos, segundo a CNN.

O Computer Science and Artificial Intelligence Laboratory (CSAIL) do MIT criou o robot em conjunto com a empresa Ava Robotics e com o Greater Boston Food Bank. O projeto começou a ser desenvolvido no início de abril com o propósito de responder à pandemia.

O robot permite garantir a segurança dos trabalhadores como os do armazém do Greater Boston Food Bank, uma vez que não têm de ficar encarregados do trabalho de desinfeção, e os testes demonstram que a sua luz ultravioleta neutraliza pelo menos 90% dos microorganismos nas superfícies.

O robot está em funcionamento quando não está mais ninguém no armazém. Inicialmente, é controlado remotamente. Mas posteriormente já consegue percorrer e desinfetar o armazém de forma autónoma.

Os resultados dos testes com este robot têm sido tão encorajadores, e os investigadores acreditam que poderá ser utilizado brevemente em supermercados, fábricas, escolas ou restaurantes.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório