Meteorologia

  • 29 JANEIRO 2020
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 16º

Edição

Ex-colaborador acusa Apple de ter espiado as suas mensagens

Por seu lado, a tecnológica de Cupertino acusa-o de não ter respeitado o contrato e de ter aliciado vários colegas para a sua própria startup.

Ex-colaborador acusa Apple de ter espiado as suas mensagens

A Apple está atualmente envolvida numa batalha legal com um ex-colaborador, Gerard Williams III, por este ter alegadamente violado o seu contrato de trabalho, criando uma startup que é considerada concorrência da empresa.

Williams era o responsável pelos chips mobile da Apple e terá fundado em fevereiro uma startup de nome Nuvia que produz chips para ‘data centers’.

“Este caso é um dos piores cenários para uma empresa inovadora como a Apple: um diretor sénior confiável com anos de experiência e anos de acesso à informação mais valiosa da Apple, começa uma empresa em segredo para competir com a mesma tecnologia em que o diretor estava a trabalhar e as mesmas equipadas com que estava a trabalhar, tudo enquanto estava a trabalhar na Apple”, pode ler-se na acusação da Apple partilhada pelo The Next Web.

Porém, Williams contra-atacou e acusa a Apple de apenas ter conhecimento da situação espiando as suas mensagens privadas. “Para intimidar qualquer atual trabalhador da Apple que se atreva a considerar abandonar a empresa, a queixa da Apple mostra que está a vigiar e a examinar os registos dos telefones e mensagens de texto dos seus colaboradores, numa impressionante e inquietante invasão de privacidade”, aponta a equipa legal de Williams.

O caso vai agora ser avaliado pelos tribunais da California, EUA.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório