Meteorologia

  • 27 SETEMBRO 2021
Tempo
20º
MIN 14º MÁX 26º

Edição

Franquelim Alves de saída do Governo

O secretário de Estado Franquelim Alves está de saída do Governo, avança a edição online do Expresso. O ex-administrador da Sociedade Lusa de Negócios (SLN) integrava a equipa do Executivo há menos de seis meses. Também Sérgio Monteiro poderá não estar nos planos da equipa do novo ministro da Economia, António Pires de Lima.

Franquelim Alves de saída do Governo
Notícias ao Minuto

09:56 - 25/07/13 por Notícias Ao Minuto 

Política Economia (act.)

Franquelim Alves, secretário de Estado do Empreendedorismo e Inovação, está de saída do Governo, cinco meses depois de se ter comprometido a exercer o cargo. A nomeação do ex-administrador da SLN foi, desde início, alvo de contestação por parte dos partidos da oposição devido à sua passagem pela sociedade gestora do BPN. Em resposta, em meados de Fevereiro, Franquelim Alves garantiu não ter nada a esconder em relação ao seu período na antiga dona do BPN, e sublinhou que não era acusado nem arguido. Recorde-se que a passagem do membro do Governo pela SLN foi omitida na biografia enviada aos jornalistas e o mesmo aconteceu, esta semana, com o novo Ministro dos Negócios Estrangeiros, Rui Machete.

De acordo com o que o semanário Expresso apurou, Franquelim Alves não será reconduzido pelo novo ministro da Economia, António Pires de Lima, e na tarde de ontem tanto o ainda secretário de Estado como a sua equipa já sabiam da decisão e arrumaram os seus pertences na sede do ministério.

O jornal adianta que Sérgio Monteiro, secretário de Estado dos Transportes, é outro dos ‘dispensáveis’ do novo ministro centrista António Pires de Lima, mesmo tendo sido um dos nomes pensados pelo primeiro-ministro para o lugar de Álvaro Santos Pereira na Economia. O Expresso aponta ainda que também Sérgio Monteiro já arrumou o que lhe pertencia, ficando o seu lugar agora vago.

Durante o dia de hoje, deverá ser divulgada a lista com o nome dos novos secretários de Estado.

Ontem, o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, deu posse aos novos ministros do Executivo, no âmbito da sétima remodelação ao Governo no espaço de dois anos. Paulo Portas já é oficialmente vice-primeiro-ministro, Rui Machete tornou-se o novo ministro dos Negócios Estrangeiros (antiga pasta do líder do CDS), e Pires de Lima passou a ser o ministro da Economia. Ausente da cerimónia esteve Álvaro Santos Pereira, o único ministro que saiu do Executivo nesta remodelação, mas também o ministro da Educação, Nuno Crato, falhou a cerimónia.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório