Meteorologia

  • 18 AGOSTO 2017
Tempo
22º
MIN 19º MÁX 24º

Edição

"Sem afrontar, Marcelo não deixa de dizer as coisas"

Depois da acalmia, Presidente da República “aproveitou para colocar os pontos nos is e deixar uns avisos”, observa Joaquim Jorge.

"Sem afrontar, Marcelo não deixa de dizer as coisas"
Notícias ao Minuto

10:30 - 01/08/17 por Notícias Ao Minuto

Política Joaquim Jorge

Joaquim Jorge comentou, num artigo de opinião escrito para o Notícias ao Minuto, a entrevista concedida no passado fim de semana pelo Presidente da República ao Diário de Notícias.

E é com rasgados elogios que o fundador do Clube dos Pensadores se refere a Marcelo Rebelo de Sousa, “um Presidente culto, inteligente, popular e subtil”, um “democrata” que “tem sido a almofada dos portugueses” e cujo “afeto, generosidade e disponibilidade têm sido inexcedíveis”.

“Marcelo tem este estilo: sem afrontar, mas não deixa de dizer o que pensa. As coisas acalmaram e aproveitou para colocar os pontos nos is e deixar uns avisos”, mostrando que “apesar de apoiar tacitamente este Governo, deve alertar que ter opiniões diferentes do Governo não é ser ilegítimo ou anti-democrático ou anti-patriota”, considera Joaquim Jorge.

Segundo o biólogo, “este jogo político em que se introduz no debate a distinção entre os discursos legítimos e ilegítimos, entre o que se pode aceitar publicamente ou não se pode aceitar, é velho e perigoso”.

Por isso, salienta, “Marcelo deve fazer ver ao Governo que o público é o lugar onde se deve dizer o que se pensa, um espaço livre sem estar cercado e limitado”. Porque “é um absurdo e um perverso paradoxo vivermos numa democracia e não aceitarmos opiniões divergentes”.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório