Meteorologia

  • 20 JUNHO 2024
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 22º

PS tem de evitar "resultado desgraçado" das Legislativas no Algarve

A candidata do PS às eleições europeias Isilda Gomes defendeu hoje que o PS tem de se mobilizar para evitar o "resultado desgraçado" que o Algarve registou nas últimas legislativas.

PS tem de evitar "resultado desgraçado" das Legislativas no Algarve
Notícias ao Minuto

23:28 - 29/05/24 por Lusa

Política Europeias

"É uma vergonha para o Algarve, é uma vergonha para os algarvios. Temos que virar aquilo que aconteceu, arregaçar mangas e ir para a rua falar com as pessoas", defendeu.

Na sua intervenção num encontro que decorreu esta noite em Faro, a sétima candidata a eurodeputada da lista socialista sublinhou que o Algarve tem uma grande responsabilidade no ato eleitoral de dia 09 de junho.

"Senti até uma certa vergonha, quando vinha no caminho e recebi uma notícia de um jornal europeu, que dizia que Portimão é um município com 60 mil habitantes que, desde o 25 de Abril, foi sempre de esquerda e, nas últimas Legislativas, virou à direita", lamentou.

No seu entender, toda a família do PS "tem de ser capaz de fazer campanha no seu espaço de trabalho, no seu grupo de amigos, na sua família".

"Todos somos poucos para virar o resultado desgraçado que tivemos nas últimas eleições Legislativas. Espero que saiamos todos daqui com a força necessária para conseguirmos dar essa volta, para ultrapassar esse mau resultado e podermos dizer que o Algarve é uma região de esquerda e defende os valores socialistas", salientou.

O encontro Europa de hoje contou ainda com a intervenção de João Soares, que integra a lista do PS ao Parlamento Europeu na última posição, e que acredita ser possível "limpar a mancha do último resultado nas legislativas".

"É bonito ver uma responsável, uma responsável autárquica de primeiro plano e também uma responsável nacional, a assumir aquilo que são as nossas responsabilidades e os desafios que se nos colocam enquanto força política. E ainda por cima nós somos a força política que mais representa, indiscutivelmente a léguas distância, o espírito da Europa", concluiu.

Nas últimas legislativas, o Chega foi o partido mais votado no círculo eleitoral de Faro, com mais de 27 por cento dos votos.

Leia Também: Orban antecipa eleições históricas sobre "paz ou guerra na Europa"

Recomendados para si

Campo obrigatório