Meteorologia

  • 08 AGOSTO 2022
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 27º

Desautorização de PNS: Políticos reagem. "Costa sabia ou não sabia?"

Costa decidiu esta quinta-feira revogar despacho sobre novos aeroportos, anulando o despacho anunciado ontem pelo ministro das Infraestruturas. Caso pode desencadear crise governativa.

Desautorização de PNS: Políticos reagem. "Costa sabia ou não sabia?"
Notícias ao Minuto

11:07 - 30/06/22 por Notícias ao Minuto

Política Crise governativa

O ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, anunciou ontem, dia 29 de junho, um despacho sobre a solução dos aeroportos que indicava que iria avançar não um, mas dois projetos. Um no Montijo, outro em Alcochete. 

Menos de 24 horas depois, António Costa desautorizou o ministro revogando o despacho e indicando que "a solução tem de ser negociada e consensualizada com a oposição", abrindo caminho a uma possível crise governativa.

As reações não se fizeram esperar. 

Duarte Marques, ex-deputado da Assembleia da República, foi o primeiro a reagir à revogação. Numa publicação feita no Twitter minutos após ter sido noticiada a nota de primeiro-ministro, Duarte Marques lança a questão: "Nesta nova polémica sobre o aeroporto só há uma dúvida que importa esclarecer: António Costa sabia ou não sabia do despacho do seu Ministro sobre os dois aeroportos?". 

Também Nuno Melo, presidente do CDS-PP, já comentou a polémica indicando que este é um "exemplo da forma ligeira, inacreditável e incompetente com que o PS decide no governo em Portugal".

Nuno Melo aponta ainda que, mesmo que Pedro Nuno Santos não coloque o seu lugar à disposição, trata-se de "um ministro que deixou de o ser, mesmo que decida ficar, só se pode demitir". 

Entretanto, Rui Rio, líder da oposição, já reagiu à situação apontando que "esta é uma derrota para o Governo". Rio detalha que Costa não tem outra opção a não ser demitir Pedro Nuno Santos e, caso não o faça, "o Presidente da República deveria forçar essa demissão”. 

André Ventura, do Chega, também mencionou que Pedro Nuno Santos deveria cair após a desautorização de Costa.

Em reação à CNN Portugal, Inês Sousa Real, do PAN, disse que "parece que estão a brincar com os portugueses”. Quanto a uma possível demissão, Sousa Real disse em conferência de imprensa que "só Costa terá essa resposta". 

Já o Cotrim Figueiredo disse que "isto parece uma história digna de uma República das Bananas" e apontou que se trata de uma "humilhação política" para o ministro. 

Rui Tavares, do Livre, pede ao Governo que “decida se quer governar ou fazer oposição a si mesmo”.

O Bloco de Esquerda frisou que o "primeiro-ministro António Costa é o responsável pelas decisões do Governo" e exige explicações. "A maioria absoluta do PS transformou-se num pântano", conclui o partido coordenado por Catarina Martins.

[Notícia em atualização]

Leia Também: AO MINUTO: Costa desautoriza Pedro Nuno Santos; O que se segue?

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório