Meteorologia

  • 30 NOVEMBRO 2021
Tempo
12º
MIN 7º MÁX 15º

Edição

"Acho que o primeiro-ministro se devia ter demitido", diz Rui Rio

O presidente do PSD reforçou aos jornalistas, após o chumbo do Orçamento do Estado para 2022, que o país ficou "numa situação de ingovernabilidade".

"Acho que o primeiro-ministro se devia ter demitido", diz Rui Rio

"Na  minha opinião, sim, acho que o primeiro-ministro se devia ter demitido", respondeu Rui Rio, quando questionado pelos jornalistas após o chumbo do Orçamento do Estado para 2022 (EO2022), na generalidade, esta quarta-feira, no plenário da Assembleia da República.

O líder social-democrata justificou que o país fica "numa situação de ingovernabilidade, seja do ponto de vista político seja do ponto de vista orçamental."

Rui Rio acredita que o "país aguenta em duodécimos um mês ou dois", mas sublinha que se António Costa "se demitisse de imediato, acelerava um processo que tem que ser rápido."

Recorde-se que o parlamento rejeitou a proposta de OE2022 com os votos contra do PSD, BE, PCP, CDS-PP, PEV, Chega e IL.

Na votação na generalidade, no plenário da Assembleia da República, o PS foi o único partido a votar a favor da proposta orçamental, que mereceu as abstenções do PAN e das duas deputadas não-inscritas, Joacine Katar Moreira e Cristina Rodrigues.

No total, 108 deputados votaram a favor, cinco abstiveram-se e 117 votaram contra.

[Notícia atualizada às 19h08]

Leia Também: AO MINUTO: É oficial o chumbo do OE2022 na generalidade. E agora?

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório