Meteorologia

  • 22 JUNHO 2021
Tempo
21º
MIN 15º MÁX 23º

Edição

Morreu Jorge Coelho, antigo ministro e ex-dirigente socialista

Antigo ministro morreu, esta quarta-feira, aos 66 anos vítima de um ataque cardíaco fulminante na Figueira da Foz.

Morreu Jorge Coelho, antigo ministro e ex-dirigente socialista

O ex-político e antigo ministro Jorge Coelho morreu, esta quarta-feira. Sofreu um ataque cardíaco fulminante na Figueira da Foz, avançou a SIC Notícia, que inicialmente indicou que o antigo governante teria sofrido um acidente de viação. A mesma informação foi, entretanto, confirmada à agência Lusa por fonte dos bombeiros da Figueira da Foz.

Jorge Coelho foi ministro de três pastas nos governos de António Guterres: ministro Adjunto; ministro da Administração Interna; ministro da Presidência e do Equipamento Social.

A partir de 1992, com Guterres na liderança, Jorge Coelho foi secretário nacional para a organização, contribuindo para a vitória eleitoral dos socialistas nas legislativas outubro de 1995.

Nascido em 17 de julho de 1954, em Mangualde, distrito de Viseu, Jorge Coelho era atualmente empresário.

Jorge Coelho marcou a atividade política ao demitir-se do cargo de ministro do Equipamento do executivo de António Guterres após a queda da ponte de Entre-os-Rios em 4 de março de 2001, alegando que "a culpa não pode morrer solteira".

Acabaria por abandonar a política ativa em 2006 para se dedicar à atividade profissional na gestão de empresas.

Mais recentemente, substituiu António Costa no programa 'Quadratura do Círculo' (atual 'Circulatura do Quadrado'), tendo em agosto do ano passado passado o testemunho a Ana Catarina Mendes, alegando questões pessoais.

Sentiu-se mal durante a visita a uma casa na Figueira da Foz

O ex-dirigente socialista e antigo ministro Jorge Coelho morreu na Figueira da Foz, de doença súbita, quando visitava uma casa na zona turística da cidade, adiantou ao início da noite fonte dos bombeiros à agência Lusa.

De acordo com o comandante dos Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz, Jorge Coelho, de 66 anos, sentiu-se mal durante a visita a uma habitação na rua da Liberdade, na zona turística do Bairro Novo.

"A senhora que estava com ele ligou para o 112 e quando a nossa equipa chegou ao local ele estava em paragem cardiorrespiratória. Foram feitas manobras de reanimação mas não foi possível reverter a situação", tendo o óbito sido declarado no local, adiantou o comandante.

[Notícia atualizada às 20h41]

Leia Também: "Influenciou a vida do país". Marcelo recordou "o amigo" Jorge Coelho

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório