Meteorologia

  • 25 SETEMBRO 2020
Tempo
20º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

"Promiscuidade entre futebol e política é cancro que corrói a democracia"

Vital Moreira critica o apoio público do primeiro-ministro e do presidente da Câmara Municipal de Lisboa à candidatura de Luís Filipe Vieira no Sport Lisboa e Benfica.

"Promiscuidade entre futebol e política é cancro que corrói a democracia"

O constitucionalista Vital Moreira diz não compreender como é que o primeiro-ministro, António Costa, e o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, "se permitem aparecer a apoiar publicamente uma candidatura nas eleições de um clube de futebol"

Num texto publicado no blogue Causa Nossa, o antigo eurodeputado do PS defende que, "mesmo como adeptos desse clube", António Costa e Fernando Medina  "não deviam utilizar a sua notoriedade política para favorecer uma candidatura nas eleições do clube", porque "é uma questão de deontologia política". 

Além disso, argumenta Vital Moreira, "o futebol entre nós, com o currículo que tem, não é um sítio visitável por políticos honestos, como é o caso". Neste caso, trata-sede "uma questão de ética política".

"Se o código deontológico dos governantes não impede essa ligação, devia ser revisto urgentemente", considera o constitucionalista, sublinhando que "a promiscuidade entre o futebol e a política é um dos cancros que corrói a nossa democracia". 

Vital Moreira entende ainda que o Presidente da República "fez bem em não se pronunciar publicamente" sobre o caso. No entanto, na opinião do antigo eurodeputado, Marcelo "poderia ter assegurado que, mesmo que fosse do Benfica, não deixaria incluir o seu nome numa comissão de honra de Luís Filipe Pereira". 

Quanto ao autarca de Lisboa, que alegou já ter sido apoiante de Vieira há quatro anos, Vital comenta que "a reincidência numa falta só a torna mais censurável", frisando que, desta vez, "sucede que Vieira é arguido num grave crime de corrupção de juízes", o que "piora tudo".

Confrontado com a polémica, António Costa tem defendido que o seu apoio a Luís Filipe Vieira em nada se confunde com o cargo que ocupa, não querendo, por isso, tecer qualquer comentário sobre o tema. Já Marcelo, indicou aos jornalistas que este será um dos assuntos a abordar na audiência com o primeiro-ministro na próxima quinta-feira.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório