Meteorologia

  • 31 MARçO 2020
Tempo
13º
MIN 8º MÁX 13º

Edição

CDS-PP disponibiliza outdoors às autarquias para divulgação de informação

O presidente do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos, endereçou hoje uma carta aos presidentes das câmaras municipais a oferecer gratuitamente a rede de 'outdoors' que possui a nível nacional para "campanhas de informação às populações".

CDS-PP disponibiliza outdoors às autarquias para divulgação de informação
Notícias ao Minuto

14:33 - 25/03/20 por Lusa

Política Coronavírus

O partido observa que "detém uma rede nacional de 'outdoors' para efeitos da difusão da sua mensagem política" e salienta que, "num período desta gravidade, essa rede será mais útil se utilizada ao serviço das populações pelas autarquias locais".

Na missiva enviada aos municípios, o líder do CDS assinala que o partido "pretende dar o seu contributo no apoio às populações e disponibiliza a título gratuito, desde já, todo esse equipamento", para que sejam "utilizados em campanhas de informação".

Essas campanhas devem informar as pessoas sobre as "medidas de prevenção e resposta ao contágio pela covid-19, por um período nunca inferior a dois meses e até que as medidas excecionais decretadas sejam levantadas".

O líder do CDS diz aos autarcas que, caso pretendam dispor destes meios, devem "transmitir essa vontade através do seguinte endereço eletrónico - [email protected]", e os serviços do partido entrarão em contacto para dar conta dos "procedimentos para que os equipamentos sejam colocados à disposição do município".

"Por fim, reforço a nossa total disponibilidade para cooperar com a autarquia de V.Exa., caso assim o entenda, neste enorme desafio que temos pela frente", destaca Francisco Rodrigues dos Santos.

Na ótica do CDS, "é fundamental prevenir, conter e informar" e, "nesse campo, as "autarquias assumem um papel de enorme relevo", porque "é o poder local quem está mais próximo das pessoas e a quem, em primeira instância, as populações recorrem e se socorrem".

O partido considera que este "momento particularmente difícil" deve ser acompanhado "com serenidade, esperança e otimismo, mas, sobretudo, com união".

"O país deve estar unido no combate a um inimigo que é invisível e não revela piedade, e os políticos devem ser testemunho dessa unidade nacional que propõem", acrescentam os centristas.

O novo coronavírusinfetou perto de 428 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 19.000 morreram.

O número de mortes associadas ao vírus que provoca a covid-19 subiu para 43 em Portugal, revelou hoje a Direção-Geral da Saúde (DGS), num boletim que regista 2.995 casos de infeção.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório