Meteorologia

  • 21 FEVEREIRO 2019
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 18º

Edição

CDU convicto de que manterá "presença forte" no Parlamento Europeu

O eurodeputado comunista João Ferreira mostra-se convicto de que a CDU irá manter uma "presença forte" no Parlamento Europeu após as eleições de 26 de maio, antecipando uma lista com "paridade total" e "profunda ligação à realidade nacional".

CDU convicto de que manterá "presença forte" no Parlamento Europeu
Notícias ao Minuto

13:00 - 02/02/19 por Lusa

Política Eleições Europeias

Em entrevista à agência Lusa, e apesar de a coligação PCP-PEV ao Parlamento Europeu só apresentar oficialmente os candidatos no final de fevereiro, João Ferreira antecipou alguns traços da lista.

"Será seguramente uma lista, como as anteriores, com forte representação de mulheres, com paridade total entre mulheres e homens. Será uma lista com uma profunda ligação à realidade nacional, seja em termos de regiões seja em termos de setores de atividade. Ou seja, que reunirá seguramente um conjunto de conhecimento de competências, de saberes que estão na base do que tem sido a intervenção do PCP ao longo destes anos no Parlamento Europeu e que vai ter de continuar", antecipa.

Quanto às expetativas eleitorais, o dirigente do PCP manifesta "grande confiança" na possibilidade de "manter essa presença forte" no Parlamento Europeu, desvalorizando as sondagens que dão à coligação apenas dois eurodeputados contra os três que possui atualmente em Estrasburgo.

"Não me lembro de alguma sondagem que nos tenha dado mais deputados do que aqueles que nós viemos a obter. Normalmente dão sempre menos. Também foi assim há cinco anos e a CDU elegeu o terceiro deputado e nem sequer ficou longe no quarto. Agora o trabalho que fizemos nestes anos dá-nos uma grande confiança de que é possível manter essa presença forte", salienta.

"Nós temos uma grande confiança de que esse trabalho seja reconhecido, como seja reconhecido também, num plano mais nacional, o papel da CDU", afirma, destacando que Portugal atravessa " uma nova fase na vida política nacional", numa referência à saída da Troika e ao alívido nos cortes.

"Temos confiança de que esse papel, cá e lá, seja reconhecido, e que isso contribua para a CDU ter um bom resultado", conclui.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório