Meteorologia

  • 24 FEVEREIRO 2018
Tempo
MIN 3º MÁX 5º

Edição

PJ faz buscas no Benfica devido ao caso dos emails

Em declarações ao Notícias ao Minuto, fonte oficial do Benfica confirma que a PJ está nas suas instalações e diz que o clube encara as buscas "com a maior normalidade".

PJ faz buscas no Benfica devido ao caso dos emails
Notícias ao Minuto

10:23 - 19/10/17 por Pedro Bastos Reis

País Justiça

A Polícia Judiciária (PJ) está a efetuar buscas, na manhã desta quinta-feira, na sede do Sport Lisboa e Benfica, avança a TVI. Em causa, está o caso dos emails divulgados por Francisco J. Marques, no Porto Canal.

O Notícias ao Minuto confirmou a informação junto de fonte oficial do Benfica, que diz que o clube “encara [as buscas] com a maior normalidade”.

A mesma fonte não confirma, contudo, que as buscas também estão a decorrer nas habitações de Luís Filipe Vieira e de Pedro Guerra, tal como vem sendo avançado por vários órgãos de comunicação social.

A Procuradoria-Geral da República confirmou as buscas, tendo emitido mandados de busca domiciliária e não domiciliária por suspeitas dos crimes de corrupção ativa e passiva. Quatro magistrados do Ministério Público, dois juízes de instrução e 28 elementos da PJ foram destacados.

Em comunicado, o clube da Luz diz que as buscas apenas "pecam por tardias". "Estas operações, que pecam por tardias, são encaradas com a maior normalidade pela Sport Lisboa e Benfica SAD, que desde o primeiro momento requereu e disponibilizou-se a fornecer toda a informação necessária a um cabal esclarecimento de toda esta situação, reiterando a sua total colaboração ativa nos trabalhos que estão em curso para o apuramento da verdade", lê-se no documento.

Na passada sexta-feira, recorde-se, o Tribunal Cível da Comarca do Porto rejeitou a providência cautelar apresentada pelo Benfica, que pretendia impedir o Futebol Clube do Porto de divulgar novas informações sobre a polémica dos emails.

O Benfica considerou a decisão do Tribunal "muito grave e absurda num Estado de Direito" e anunciou que vai recorrer da mesma para o Tribunal da Relação. 

A polémica do 'caso dos emails' começou a ganhar dimensão nos últimos meses, depois de Francisco J. Marques, diretor de comunicação do Futebol Clube do Porto, ter começado a divulgar, no Porto Canal, vários emails que envolvem dirigentes ligados ao Benfica. 

Entre as pessoas envolvidas constam o presidente do clube da Luz, Luís Filipe Vieira, o assessor jurídico da SAD do clube 'encarnado', Paulo Gonçalves, o antigo responsável pelos conteúdos da Benfica TV, Pedro Guerra, e Rui Gomes da Silva, ex-vice presidente do clube.

O ex-árbitro Adão Mendes e o delegado da Liga, Nuno Cabral, são outros dos nomes associados a esta polémica. 

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.