Meteorologia

  • 17 JANEIRO 2022
Tempo
15º
MIN 7º MÁX 15º

Edição

Bombeiro provocou incêndio por ciúmes da ex-namorada

Júlio Santos, bombeiro em Vila Pouca de Aguiar, é suspeito de ter ateado um incêndio florestal. Na corporação acredita-se que o ato do homem está relacionado com ciúmes em relação a uma ex-namorada, também ela bombeira. Já os vizinhos acham que Júlio está a ser vítima da maldade de pessoas invejosas.

Bombeiro provocou incêndio por ciúmes da ex-namorada

Segundo conta o Jornal de Notícias, Júlio, um bombeiro de Vila Pouca de Aguiar, namorava com uma bombeira há cerca de dez anos, tendo o relacionamento chegado ao fim há cerca de seis meses. Desde então, Júlio mostrava pouca disponibilidade para combater incêndios este verão.

Na corporação, acredita-se que o afastamento está relacionado com ciúmes, dado que Júlio não via com bons olhos o facto de a namorada trabalhar na corporação, sempre rodeada de homens.

O fim da relação não terá sido pacífico e terão havido, inclusivamente, telefonemas e ameaças.

O homem está a ser agora acusado de ter incendiado uma mata, crime que os vizinhos não acreditam ter sido da sua autoria. Defendendo que se trata de uma pessoa muito trabalhadora, os vizinhos dizem que Júlio está a ser “incriminado por pessoas invejosas ou que lhe querem mal”.

Júlio já foi suspenso, está proibido de entrar no quartel, e será presente a interrogatório judicial, esta sexta-feira, pelas 10h00.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório