Meteorologia

  • 21 JULHO 2024
Tempo
21º
MIN 17º MÁX 25º

Alcântara é a grande vencedora das Marchas Populares de Lisboa

As marchas dos diferentes bairros lisboetas desceram a Avenida da Liberdade na última madrugada, como é tradicional na noite de Santo António.

Notícias ao Minuto

07:39 - 13/06/24 por Notícias ao Minuto

País Marchas de Lisboa

A Marcha de Alcântara - com o tema 'Por mais que corra a tinta, Alcântara é o bairro com mais pinta' - foi a grande vencedora da edição de 2024 do Concurso das Marchas Populares de Lisboa.

O anúncio foi feito pela Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural (EGEAC), que revelou que a Marcha de Marvila ficou em segundo lugar, ocupando a Marcha de Alfama o terceiro lugar.

"A edição deste ano das Marchas Populares de Lisboa foi brindada com a presença de milhares de pessoas que, na Avenida da Liberdade, assistiram ao tradicional desfile da noite de Santo António e momento alto das Festas de Lisboa", lê-se no comunicado no qual a empresa municipal responsável revelou que a celebração envolveu mais de 1.600 participantes.

As 20 marchas em competição foram avaliadas por um júri presidido, nesta edição, por Albano Ginja e composto por Rita Spider (Apreciação da Coreografia), Fernando Alvarez (Apreciação da Cenografia), Ana Paula Rocha (Apreciação do Figurino), Carlos Leitão (Apreciação da Letra), Rui Massena (Apreciação da Música) e Leonor Padinha (representante da EGEAC). O tema central da Grande Marcha de Lisboa foi 'O Tejo Afinal', com letra de Flávio Gil e música de João Paulo Soares.

Este ano a abertura das marchas foi feita por dois 'dragões' especialmente concebidos para a ocasião, comemorativa do 25.º aniversário do estabelecimento da Região Administrativa Especial de Macau.

A Dança do Dragão contou com 30 participantes convidados, numa atuação do grupo da Associação Geral Desportiva de Macau Lo Leong, que conta com o apoio do Turismo de Macau.

As Marchas Populares de Lisboa são este ano candidatas a integrar a lista nacional de património cultural imaterial, com o objetivo de reconhecimento histórico e também de preservação desta tradição popular.

A candidatura das marchas é promovida pela Associação das Coletividades do Concelho de Lisboa (ACCL), com o apoio das 28 coletividades da cidade que anualmente preparam e apresentam as marchas e do município.

As Festas de Lisboa tiveram início no final de maio e vão decorrer até ao final do mês de junho, encerrando com dois espetáculos no Terreiro do Paço, o primeiro no dia 29, de Tony Carreira e convidados especiais, acompanhado por uma orquestra de 16 cordas.

No dia seguinte, 30 de junho, Richie Campbell, reconhecido como o "primeiro fenómeno musical da Internet em Portugal", leva ao Terreiro do Paço "um espetáculo criado 'para e por Lisboa', que reunirá em palco outros músicos convidados", segundo a organização.

Concurso das Marchas Populares de Lisboa 2024

1.º Marcha de Alcântara
2.º Marcha de Marvila
3.º Marcha de Alfama
4.º Marcha da Bica - Vencedora da edição de 2023
5.º Marcha de Carnide
6.º Marcha da Madragoa
7.º Marcha do Alto do Pina
8.º Marcha do Bairro da Boavista
9.º Marcha de São Vicente
10.º Marcha da Penha de França
11.º Marcha do Bairro Alto
12.º Marcha do Castelo
13.º Marcha dos Olivais
14.º Marcha da Graça
15.º Marcha do Lumiar
16.º Marcha da Mouraria
17.º Marcha da Bela Flor-Campolide
18.º Marcha de Santa Engrácia
19.º Marcha da Baixa
20.º Marcha de Belém

Classificações especiais

Melhor Coreografia: Marcha de Alcântara e Marcha de Marvila
Melhor Cenografia: Marcha de Alcântara e Marcha de Marvila
Melhor Figurino: Marcha de Alcântara, Marcha de Alfama e Marcha de Marvila
Melhor Letra: Marcha de Alfama e Marcha do Alto do Pina
Melhor Musicalidade: Marcha da Madragoa
Melhor Composição Original: Há festa na Bica, da Marcha da Bica, e Welcome! Bem-vindos à Mouraria!, da Marcha da Mouraria
Melhor Desfile na Avenida: Marcha de Alcântara

[Notícia atualizada às 10h52]

Leia Também: Ficou em casa? Há festa em Lisboa e marchas descem a Avenida da Liberdade

Recomendados para si

;
Campo obrigatório