Meteorologia

  • 22 JUNHO 2024
Tempo
18º
MIN 14º MÁX 27º

Incêndios? Autarca de Terras de Bouro quer helicóptero de volta a Braga

O presidente da Câmara de Terras de Bouro, Manuel Tibo, pediu hoje o regresso de um helicóptero ligeiro de combate a incêndios a Braga, retirado há um ano, lembrando a "perigosidade máxima" do Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG).

Incêndios? Autarca de Terras de Bouro quer helicóptero de volta a Braga
Notícias ao Minuto

21:41 - 25/05/24 por Lusa

País Incêndios

"Sempre que tiver oportunidade, e como defensor do Parque Nacional [PG], e num território que está com a carta de perigosidade no máximo, tendo meios em termos de espaço e de infraestruturas, que é na cidade de Braga, no Aeródromo de Palmeira, tenho a obrigação, sempre que tenho a oportunidade, de chamar a atenção de todos os responsáveis para se repor o meio ligeiro no Aeródromo de Braga", afirmou Manuel Tibo (PSD) aos jornalistas.

As declarações do autarca foram proferidas após uma reunião de trabalho sobre a região, que decorreu no Centro de Animação Termal da Vila do Gerês, com a ministra do Ambiente e Energia, Maria da Graça Carvalho, e o ministro da Agricultura e Pescas, José Manuel Fernandes.

Manuel Tibo, que em junho de 2023 foi um dos vários autarcas da região que se manifestou contra a deslocalização do meio aéreo ligeiro de Braga para Famalicão, lembrou que o helicóptero em Braga daria mais apoio ao subcomando do Cávado, e mais particularmente ao PNPG, alertando que, "num grande incêndio, o atraso de cinco, dez minutos faz uma grande diferença".

Questionado sobre se acredita que a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) possa reverter ainda este ano a decisão tomada há cerca de um ano, o autarca disse que "tudo fará" para que assim seja.

"A única coisa que posso dizer é que vou fazer tudo aquilo que está ao meu alcance. Depois, se as decisões, através da Autoridade Nacional da Proteção Civil, vão ser revistas... Com esta posição, não pretendo retirar o meio aéreo de lado nenhum, de onde foram instalados. O que estou a solicitar é que coloquem um meio ligeiro em Braga, e estarei sempre na linha da frente a defender esta solução", salientou Manuel Tibo.

A reunião de trabalho contou ainda com a participação do vice-presidente da Agência Portuguesa do Ambiente, José Carlos Pimenta Machado, do presidente do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), Nuno Miguel Soares Banza, do presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N), António Cunha, e da vice-presidente da CCDR-N, Célia Ramos.

Marcaram também presença o primeiro secretário executivo da Comunidade Intermunicipal do Cávado (CIM Cávado), a diretora regional da Conservação da Natureza e Florestas do Norte, Sandra Sarmento, e a administradora da Administração da Região Hidrográfica do Norte (ARH Norte).

Na reunião de trabalho foram abordados vários assuntos relacionados com as necessidades, as obras e intervenções necessárias, assim como projetos para o concelho de Terras de Bouro e para o Parque Nacional da Peneda-Gerês.

Leia Também: Dois concelhos de Faro em perigo máximo de incêndio

Recomendados para si

;
Campo obrigatório