Meteorologia

  • 14 JUNHO 2024
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 26º

MP arquiva inquérito ao cerco do Capitólio durante protesto de polícias

A procuradora do Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa arquivou o inquérito sem levar a cabo qualquer diligência, por falta de indícios para identificar os autores do protesto.

MP arquiva inquérito ao cerco do Capitólio durante protesto de polícias

O Ministério Público (MP) arquivou o inquérito aberto para apurar responsabilidades na manifestação das forças de segurança que ficou conhecida como cerco ao Capitólio.

A notícia, que é avançada pelo Público, foi confirmada ao Notícias ao Minuto por fonte do MP. 

A procuradora do Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa arquivou o inquérito sem levar a cabo qualquer diligência, por falta de indícios para identificar os autores do protesto.

"No local não foi possível apurar quem seriam os promotores de tal manifestação. Da mera leitura do auto de denúncia é patente a inexistência de indícios que permitam conduzir à identificação dos autores daquela factualidade, não tendo sido identificado qualquer promotor ou manifestante (...), o que se traduz na impossibilidade prática de diligências de inquérito com vista à sua identificação", refere a procuradora.

De recordar que o inquérito foi aberto para apurar responsabilidades, depois de, em fevereiro, milhares de manifestantes das forças de segurança terem cercado o Capitólio. Só havia autorização para protesto no Terreiro do Paço mas a massa de manifestantes dirigiu-se, ainda assim, até ao Capitólio, local onde decorria o debate entre Pedro Nuno Santos e Luís Montenegro.

Leia Também: Homem que espancou brutalmente mulher em Almada fica em preventiva

Recomendados para si

;
Campo obrigatório