Meteorologia

  • 23 MAIO 2024
Tempo
22º
MIN 12º MÁX 24º

Miguel Pinto Luz pede para ouvir com "humildade" todos os partidos

Ministro das Infraestruturas recebeu vários representantes políticos.

Miguel Pinto Luz pede para ouvir com "humildade" todos os partidos
Notícias ao Minuto

14:33 - 16/05/24 por José Miguel Pires com Lusa

Economia Habitação

O ministro das Infraestruturas e Habitação, Miguel Pinto Luz, considerou que, quando se fala do setor da habitação, em que se vive "uma urgência nacional", é necessário ouvir e trabalhar "objetivamente, com humildade", com todas as forças políticas presentes na Assembleia da República.

Aos jornalistas, na Assembleia da República, Pinto Luz - que esteve reunido com os representantes dos partidos com assento parlamentar esta quinta-feira - deixou uma "mensagem de trabalho, de perspetiva" de poder "incluir muitas das propostas que hoje foram apresentadas pelos partidos políticos"  no novo pacote do Governo para o setor.

Numa curta declaração, o ministro afirmou que as reuniões de hoje foram "muito profícuas" e "com ideias muito interessantes que o Governo se propôs avaliar".

"Em conjunto com o ministro dos Assuntos Parlamentares foi definida uma metodologia, o Governo já tem o processo legislativo todo em marcha e os partidos políticos serão informados desses detalhes para poderem aportar valor às alterações necessárias que queiram fazer", explicou ainda o ministro, respondendo às questões dos jornalistas.

Admitiu, ainda, que "o que ficou acordado numa metodologia de trabalho aberta é que aquilo que tiver de passar pela Assembleia da República, naturalmente, terá que passar, mas mesmo aquilo que não tiver de passar pela Assembleia da República, estamos disponíveis para o diálogo".

"O diálogo extravasa as paredes deste espaço máximo da Democracia", concluiu.

O Governo reuniu, na manhã desta quinta-feira, com os representantes dos partidos com assento parlamentar, para debater a eventual inclusão das suas propostas no programa para a habitação 'Construir Portugal'.

Este programa, anunciado na última sexta-feira, prevê, entre outras medidas, a criação de uma garantia pública destinada aos jovens na compra da sua primeira casa, a reformulação do programa Porta 65 e a revogação da Contribuição Extraordinária sobre o Alojamento Local (CEAL) e da caducidade da licença e transmissibilidade. O 'Construir Portugal' procura também "devolver flexibilidade e confiança a quem arrenda e aos senhorios".

[Notícia atualizada às 15h14]

Leia Também: IL saúda "aproximação" e "diálogo" com Governo em matérias de Habitação

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório