Meteorologia

  • 27 MAIO 2024
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 22º

GNR apreende cerca de 500 máquinas de jogo e constitui 5 arguidos

Operação decorreu em Faro, Beja, Lisboa e Setúbal.

Notícias ao Minuto

10:24 - 24/04/24 por Notícias ao Minuto

País GNR

A Guarda Nacional Republicana (GNR) levou a cabo uma operação de combate ao jogo ilícito e fraude fiscal, em que foram realizadas várias buscas em estabelecimentos comerciais e residências, nos distritos de Faro, Beja, Lisboa e Setúbal.

No âmbito desta operação, foram apreendidas cerca de 500 máquinas de jogo, lê-se em comunicado, onde a GNR revela também que três pessoas foram constituídas arguidas. São dois homens e uma mulher, com idades entre os 52 e os 64 anos.

Foram também constituídas arguidas duas pessoas coletivas, "uma de exploração de restauração e outra de distribuição de produtos recreativos".

A investigação começou no final de 2021, "visando os ilícitos criminais de exploração de jogo de fortuna ou azar, fraude e abuso de confiança fiscal".

"Os militares da Guarda levaram a cabo uma operação que permitiu apurar os locais utilizados como estabelecimentos de exploração ilícita de jogo, bem como aqueles que eram usados para armazenamento e distribuição das respetivas máquinas de jogo", diz a GNR na nota informativa, revelando que, a partir daí, foi dado cumprimentos a dois mandados de busca domiciliária e vinte e três mandados de busca não domiciliária, "incluindo treze estabelecimentos comerciais e armazéns, em viaturas e em empresa, locais que eram utilizados para a prática ilícita de jogo, para armazenamento e distribuição das máquinas de jogo".

Ao todo, foram apreendidas 132 máquinas de jogo ilícito, 363 máquinas de modalidades afins de jogo, 1.109 cartazes associados às máquinas de modalidades afins de jogo e 874,50 euros em numerário.

Os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Olhão.

Leia Também: ASAE detém 3 pessoas em Guimarães por jogo ilícito. Máquinas apreendidas

Recomendados para si

;
Campo obrigatório