Meteorologia

  • 27 MAIO 2024
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 22º

"Vamos perceber rapidamente a falta que Fernando Araújo faz ao país"

O ex-ministro da Saúde teceu largos elogios ao Diretor Executivo do SNS, que pediu na terça-feira a demissão à atual responsável da tutela.

"Vamos perceber rapidamente a falta que Fernando Araújo faz ao país"

O ex-ministro da Saúde Manuel Pizarro já reagiu ao pedido de demissão do Diretor Executivo do Serviço Nacional de Saúde (SNS). No Facebook, depois de hesitar escrever sobre o assunto, o socialista teceu largos elogios a Fernando Araújo que considera ser "um médico excecional, um professor universitário de mérito, um gestor público com provas das, um cidadão a quem os portugueses muito devem".

"Até no momento em que se demite mostra a sua elegância e o seu desprendimento", realçou o ex-governante, mostrando o seu "apreço e admiração" por Fernando Araújo, "pela sua verticalidade e independência" qualidades que "nem sempre são muito apreciadas pelo poder político nas pessoas que ocupam lugares de chefia na administração pública".

Apesar de recusar comentar "as circunstâncias que forçam Fernando Araújo a esta atitude", Manuel Pizarro garante que "vamos perceber rapidamente a falta que ele faz ao país e ao SNS".

Recorde-se que Fernando Araújo apresentou, na terça-feira, a demissão do cargo - em conjunto com a sua equipa - à ministra da Saúde, Ana Paula Martins, após 15 meses em funções.

Num comunicado a que o Notícias ao Minuto esteve acesso, o Diretor Executivo do SNS realça que "esta difícil decisão permitirá que a nova tutela possa executar as políticas e as medidas que considere necessárias, com a celeridade exigida, evitando que a atual DE-SNS possa ser considerada um obstáculo à sua concretização".

Leia Também: Diretor-executivo do SNS apresenta demissão à ministra da Saúde

Recomendados para si

;
Campo obrigatório