Meteorologia

  • 18 OUTUBRO 2021
Tempo
23º
MIN 16º MÁX 28º

Edição

Afinal, não somos um "país de engenheiros e doutores"

Segundo o estudo 'Retrato de Portugal na Europa', publicado esta terça-feira pelo Público, Portugal apresenta resultados muito fracos a nível de educação em comparação com os restantes países da Europa. Resultados que provam que Portugal não é um "país de engenheiros e doutores".

Afinal, não somos um "país de engenheiros e doutores"

A educação em Portugal vai mal e precisa de ver o seu sistema de ensino repensado. Esta é a conclusão que pode retirar-se do retrato a Portugal realizado pelo Pordata, a base de dados da Fundação Manuel dos Santos.

O estudo, que comprara os indicadores portugueses com os dos 28 países membros da União Europeia, permite concluir que Portugal é o terceiro país com níveis de abandono escolar mais elevados e que apenas 40% dos portugueses, entre os 25 e os 64 anos, tem o ensino secundário completo.

Assim, conclui a demógrafa Maria João valente Rosa, ao Público, que Portugal “não é um país de engenheiros e doutores”. Uma afirmação dita muitas vezes por “pessoas com muitas responsabilidades no país” e que “tem efeitos terríveis sobre uma sociedade que nem gente suficiente com o secundário tem”.

Segundo o estudo, 70,6 % daas pessoas que trabalham por conta própria não têm o ensino secundário completo, sendo que a média da Europa é de 24,3%. Já os que trabalham por conta de outrem, 50,4% não conclui o 12.º ano de escolaridade.

O país destaca-se, ainda, por ser aquele que regista mais chumbos na escola.

Números preocupantes tendo em conta que os 15,1% que possuem qualificações ao nível do ensino superior estão a ser “empurrados para fora do país”, defende a demógrafa.

Para Maria João Rosa a baixa escolaridade dos portugueses traduz-se nos resultados registados a nível de produtividade, sendo que apesar de sermos dos países que mais horas de trabalho pratica, tal não se reflete nos níveis de produtividade, estando Portugal em 21.º lugar no que diz respeito a este indicador.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório