Meteorologia

  • 24 JUNHO 2022
Tempo
22º
MIN 14º MÁX 24º

Moita. Tenta matar homem por ciúmes, 'salvo' por arma que encravou

Numa outra ocasião, o homem terá agredido a mulher com uma bofetada, por discordar "da roupa que esta estava a usar".

Moita. Tenta matar homem por ciúmes, 'salvo' por arma que encravou
Notícias ao Minuto

16:27 - 23/06/22 por Notícias ao Minuto

País Violência

Um homem foi, esta quinta-feira, sujeito a primeiro interrogatório pela prática dos crimes de homicídio qualificado na forma tentada, detenção de arma proibida, ameaça agravada e ofensa à integridade física, por ter tentado assassinar um outro homem “por ciúmes”, no Vale da Amoreira, freguesia da Moita.

O caso deu-se no dia 19 de junho, tendo o suspeito apontado “uma arma de fogo ao peito do ofendido e [premido] o gatilho, por duas vezes, só não tendo conseguido que os disparos se concretizassem porque a referida arma encravou”, aponta o Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa, em comunicado a que o Notícias ao Minuto teve acesso.

Em causa estaria uma “fotografia do ofendido com uma segunda vítima”, uma mulher com quem o agressor “pretendia manter uma relação amorosa”.

“Quando visualizou a referida foto, o detido afirmou que, se os visse juntos, os mataria a ambos”, complementa a nota.

Numa outra ocasião, o homem terá agredido a referida mulher com uma bofetada, por discordar “da roupa que esta estava a usar”.

O juiz de Instrução Criminal decidiu sujeitar o arguido à medida de coação de prisão preventiva.

A investigação prossegue sob direção do Ministério Público do Barreiro.

Leia Também: Dez detidos em megaoperação de combate ao tráfico do droga na Margem Sul

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório