Meteorologia

  • 04 OUTUBRO 2022
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 31º

Rui Pinto publica excertos de comunicações militares russas na Ucrânia

"Nestes tempos tão alucinantes destaca-se também a grande facilidade com que se consegue ouvir as comunicações militares russas na Ucrânia", escreveu o denunciante.

Rui Pinto publica excertos de comunicações militares russas na Ucrânia
Notícias ao Minuto

09:31 - 03/03/22 por Notícias ao Minuto

País Rui Pinto

Depois de ter denunciado que o oligarca russo Alexander Mikheev, diretor-geral da Rosoboronexport, empresa que exporta produtos de defesa russos, voou num jato português do Dubai, nos Emirados Árabes Unidos para Hanói, no Vietname, Rui Pinto mostrou, na sua conta no Twitter excertos de comunicações militares russas na Ucrânia. 

Numa primeira publicação, colocada na noite de ontem, o denunciante mostrou uma hora de comunicações.

"Nestes tempos tão alucinantes destaca-se também a grande facilidade com que se consegue ouvir as comunicações militares russas na Ucrânia. Aqui vai uma hora gravada ao inicio desta manhã na frequência 9741 khz. No minuto 20 é mencionada a cidade de Sumy", escreveu Rui Pinto. 

Num segundo post, minutos depois, o pirata informático acrescentou: "E com acesso tão facilitado às comunicações surgem momentos curiosos, em que civis entram em conversação com militares russos... Gravado nesta última hora na frequência 5640.00 kHz". 

Recorde-se que Rui Pinto responde por um total de 90 crimes no caso 'Football Leaks': 68 de acesso indevido, 14 de violação de correspondência, seis de acesso ilegítimo, visando entidades como o Sporting, a Doyen, a sociedade de advogados PLMJ, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e a Procuradoria-Geral da República (PGR), e ainda por sabotagem informática à SAD do Sporting e por extorsão, na forma tentada. Este último crime diz respeito à Doyen e foi o que levou também à pronúncia do advogado Aníbal Pinto.

O criador do 'Football Leaks' encontra-se em liberdade desde 7 de agosto, "devido à sua colaboração" com a Polícia Judiciária (PJ) e ao seu "sentido crítico", mas está, por questões de segurança, inserido no programa de proteção de testemunhas em local não revelado e sob proteção policial.

Leia Também: Rui Pinto denuncia que oligarca russo voou em jato português

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório