Meteorologia

  • 24 OUTUBRO 2021
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 25º

Edição

A quem (e quanto) o Estado paga subvenções vitalícias? Eis a lista

Os valores das pensões situam-se entre os 883,59 e os 13.607,21 euros. Rocha Vieira, o último governador de Macau, é quem tem a maior subvenção.

A quem (e quanto) o Estado paga subvenções vitalícias? Eis a lista

Há 310 pessoas, entre antigos políticos e ex-juízes, que têm direito a uma subvenção mensal vitalícia mas, destes, apenas 239 representam um custo para o Estado português, noticia, esta quarta-feira, o Público. A informação consta na lista da Caixa Geral de Aposentações (CGA), referente ao ano de 2021. 

Os valores das pensões situam-se entre os 883,59 e os 13.607,21 euros. A subvenção mensal de maior valor pertence a Vasco Joaquim Rocha Vieira, o último governador de Macau. 

A segunda mais alta é entregue mensalmente a Carlos Montez Melancia (9.727,42 euros), de 94 anos, o antecessor de Rocha Vieira no cargo. O 'top 3' termina com Jorge Alberto Conceição Hagedorn Rangel (6.633,86 euros), que também fez parte da administração do território quando este pertencia a Portugal. 

Há ainda quem tenha as subvenções suspensas, como é o caso de Ferro Rodrigues, Jerónimo de Sousa, Jorge Lacão, José Cesário, José Magalhães, Luís Amado, Capoulas Santos e Maria de Belém Roseira, entre outros. 

Já Fernando Faria de Oliveira (3.228,24 euros) e Luís Marques Mendes (3.311,82 euros) têm as subvenções mensais vitalícias suspensas por "iniciativa do próprio", consta no documento da Caixa Geral de Aposentações.

O Estado gasta, atualmente, por mês, 460 mil euros em subvenções.

Eis a lista completa das subvenções mensais vitalícias

Leia Também: Discotecas com certificado digital? "Teremos várias decisões" esta semana

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório