Meteorologia

  • 04 MARçO 2024
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 17º

Homem detido por conceder crédito ilegalmente. Juros passavam os 300%

O suspeito foi detido Polícia Judiciária.

Homem detido por conceder crédito ilegalmente. Juros passavam os 300%
Notícias ao Minuto

14:41 - 09/07/21 por Notícias ao Minuto

País Crédito

Um homem de 69 anos foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) do Norte por estar acusado de conceder créditos, sem estar autorizado para tal, com juros que, em alguns casos, ultrapassavam os 300%.

De acordo com o comunicado enviado às redações, o suspeito vai responder judicialmente pela prática de crimes de usura, extorsão, falsificação de documentos, acesso ilegítimo e branqueamento de capitais. 

A investigação em causa foi motivada pela informação prestada pelo Banco de Portugal relativa à "atividade não autorizada de concessão de crédito". Esta atividade ilícita, dá conta a PJ, "era desenvolvida com a aplicação de juros que, em alguns casos, atingiriam valores superiores a 300%". 

Suspeita-se que o homem se tenha apropriado de "importâncias consideravelmente elevadas, superiores a 500 mil euros", pode ler-se. 

No decurso desta operação policial, que decorreu na zona Norte e na região de Lisboa, foi apreendida, para além de documentação diversa e acervo informático, mais de 80 mil euros. 

O detido vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação. 

Leia Também: Detido inspetor da PJ de Cabo Verde suspeito de associação criminosa

Recomendados para si

;
Campo obrigatório