Meteorologia

  • 24 JUNHO 2021
Tempo
24º
MIN 15º MÁX 32º

Edição

Morreu Emanuel Correia, jornalista da agência Lusa

O jornalista da agência Lusa Emanuel Correia, que integrava a redação da Madeira, morreu hoje, aos 62 anos, na sequência de um acidente vascular cerebral, segundo fonte da família.

Morreu Emanuel Correia, jornalista da agência Lusa
Notícias ao Minuto

18:11 - 18/05/21 por Lusa

País Óbito

Natural da freguesia do Monte, no Funchal, Emanuel Correia era jornalista da Lusa desde abril de 1992, exercendo o cargo de chefe da delegação regional madeirense entre maio desse ano e outubro de 2007.

Antes de ingressar nos quadros da agência, trabalhou na redação do Jornal da Madeira.

Estava desde segunda-feira internado no Hospital Dr. Nélio Mendonça, no Funchal.

Numa nota aos trabalhadores, a Direção de Informação da Lusa manifestou o seu profundo pesar e destacou "a bondade e o companheirismo" do jornalista, sublinhando que os 29 anos dedicados à agência se confundem com a história da própria empresa, em particular, na Região Autónoma da Madeira.

"O Emanuel desempenhou com dedicação o seu trabalho, na Madeira, onde foi delegado durante 15 anos, uma postura que contribuiu, estamos certos, para a notoriedade da Lusa na região, assim como em todo o país", referiu a Direção de Informação.

Também numa nota aos trabalhadores, o presidente do Conselho de Administração da Lusa, Nicolau Santos, lamentou a morte do jornalista, afirmando que, com o seu empenho e dedicação, Emanuel Correia "contribuiu decisivamente para a implantação, o prestígio e o respeito" que a empresa "desfruta atualmente na Região Autónoma da Madeira".

"Tendo chefiado a delegação da Lusa na Madeira durante 15 anos, o Emanuel Correia era, para além de excelente profissional, uma pessoa de grande bondade, como atestam todos os que privaram com ele", lê-se na mesma informação.

Já a Comissão de Trabalhadores da empresa lamentou "profundamente" a morte de Emanuel Correia, jornalista "com décadas de trabalho na Lusa e já recordado pela Direção de Informação como um colega e companheiro a quem todos reconheciam qualidades que agudizam o sentimento de perda".

Leia Também: Madeira manifesta profundo pesar pela morte do jornalista Emanuel Correia

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório