Meteorologia

  • 24 JULHO 2021
Tempo
17º
MIN 17º MÁX 26º

Edição

Campeonato. "Temos o dever acrescido de não tornar a festa num pesadelo"

Das janelas ou varandas, de carro, com distanciamento, máscara e sem álcool na via pública. São estes os apelos da PSP para que a festa do título se faça em segurança esta noite e madrugada, caso o Sporting vença o Boavista. Os autocarros com os jogadores não farão qualquer paragem no Marquês de Pombal.

Campeonato. "Temos o dever acrescido de não tornar a festa num pesadelo"

A Polícia de Segurança Pública (PSP) apelou, na tarde desta terça-feira, para que as pessoas mantenham o distanciamento durante os festejos do campeonato, que utilizem a máscara. "Volto a dizer, estamos num quadro de pandemia, em que o risco é acrescido aquando de aglomerações de pessoas", frisou o subintendente Luís Antunes durante uma conferência de imprensa. 

Por outro lado, "está ainda em vigor a proibição de consumo de bebidas alcoólicas na via pública". Nesse sentido, "apelamos a todos que não consumam bebidas alcoólicas".

A par disso e sabendo que são festejos de uma celebração desportiva, a PSP apela também aos adeptos para que não usem pirotecnia "de modo a não pôr em causa a segurança" de todos os presentes

A autoridade explicou que os jogadores permanecerão nos autocarros que vão circular até ao Marquês de Pombal e que "não haverá paragens" dos veículos. Chegados ao Marquês, os dois autocarros farão inversão de marcha e voltarão para trás.

"Todos aqueles que queiram assistir, podem assistir de maneira igual, quer no Marquês, quer na Avenida da República, quer no Saldanha, quer no Campo Grande. Pedimos a quem seja morador nestas zonas que possa assistir das janelas e das varandas",  de  modo também a não contribuir para ajuntamentos. A quem vier de carro, pede-se que permaneça dentro do veículo.

"Todos temos de fazer um esforço para que não criemos ajuntamentos nem aglomerações. Isso, ao nível da saúde pública, é um risco e estamos a pôr em causa todos e cada um", reforçou Luís Antunes

A PSP, os promotores e a Câmara de Lisboa estão "empenhados que seja uma festa" e, portanto, "temos este dever acrescido de não tornar a festa num pesadelo". "Queremos acreditar que hoje será mais um dia festivo na cidade de Lisboa e que seja um orgulho, não só para a cidade, como para o país. E queremos acreditar que está tudo planeado que esta noite e madrugada possamos festejar na cidade", disse o responsável.

A autoridade frisou ainda que haverá policiamento durante todo o percurso do Campo Grande até ao Marquês de Pombal, e no caminho inverso. O desfile dos autocarros dos jogadores e staff do Sporting não começará antes da meia noite. Primeiro, cumprir-se-á uma festa no interior do Estádio José Alvalade que será transmitida na televisão.

Atenção, circulação cortada a partir das 20h30

Quanto ao trânsito, este ficará condicionado a partir das 19 horas no centro da cidade (a partir do Saldanha ao Marquês). A partir das 20h30, haverá cortes totais à circulação (na Avenida da República, Saldanha, Fontes Pereira de Melo e Campo Grande). "Apelamos a todas as pessoas que circulem de automóvel ou de transportes públicos que o façam antes dessa hora".

A partir das 22h30, após o final do jogo, as estações do Metro dos Restauradores ao Marquês "também serão encerradas".

Leia Também: Câmara de Lisboa estuda solução para festejos do Sporting em segurança

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório