Meteorologia

  • 22 ABRIL 2024
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 27º

Baixa de letalidade: "É o aspeto mais positivo de todos os resultados"

Marta Temido fez um ponto de situação sobre as informações partilhadas esta manhã na reunião no Infarmed.

Baixa de letalidade: "É o aspeto mais positivo de todos os resultados"
Notícias ao Minuto

12:35 - 27/04/21 por Notícias ao Minuto

País Covid-19

No final das intervenções dos especialistas e das palavras do Presidente da República no Infarmed, Marta Temido, ministra da Saúde, começou por sublinhar, esta terça-feira, em conferência de imprensa, que a diminuição da letalidade da Covid-19, no país, "é o aspeto mais positivo de todos aqueles resultados que foram alcançados já nesta longa luta" contra a pandemia. 

"Estamos com uma letalidade que é metade do que era há um ano. (...) Estamos hoje com um número inferior a cinco óbitos por um milhão de habitantes", destacou a governante. 

Concluindo os dados apresentados pelos peritos, a ministra defendeu, que, hoje é possível dizer-se que o "país está a controlar a pandemia" e adiantou que o Governo já está a "preparar" a próxima fase do desconfinamento. 

"É necessário continuar a compensar o aumento de contatos e de transmissibilidade, por ventura também de novas variantes, pelas regras básicas de segurança da manutenção das medidas preventivas de carácter individual: a utilização de máscara, lavagem das mãos e distanciamento físico", alertou, porém, a governante, acrescentando que estas medidas devem ser mantidas independentemente da aceleração do processo de vacinação.  

Ainda sobre a vacinação, fazendo referência às previsões reveladas pelo coordenador da task force, Marta Temido mostrou-se confiante de que na terceira semana de maio, Portugal já possa contar com a população com 60 anos para cima vacinada contra o novo vírus.

Leia Também: AO MINUTO: Marcelo saúda processo de vacinação; 20 milhões para o turismo

Recomendados para si

;
Campo obrigatório