Meteorologia

  • 09 MARçO 2021
Tempo
13º
MIN 8º MÁX 18º

Edição

Câmara de Sintra fornece refeições em 'take-away' aos alunos do concelho

A Câmara de Sintra vai disponibilizar refeições em sistema de "take-away" a todos os alunos do concelho durante a pausa letiva determinada pelo Governo no âmbito das medidas de combate à Covid-19, anunciou hoje a autarquia.

Câmara de Sintra fornece refeições em 'take-away' aos alunos do concelho
Notícias ao Minuto

22:02 - 22/01/21 por Lusa

País Covid-19

"A Câmara Municipal de Sintra continua a disponibilizar refeições escolares, em sistema de 'take-away', para apoiar as famílias dos alunos nesta fase em que os estabelecimentos de ensino se encontram encerrados e que, devido à pandemia de covid-19, estão impedidos de frequentar os refeitórios".

Em comunicado, aquela autarquia do distrito de Lisboa explica que as famílias interessadas têm de requisitar as refeições na plataforma SIGA.

Essa requisição implica a "aquisição de um 'kit' alimentar para um período de cinco dias", sendo cada 'kit' composto por almoço (dose para duas pessoas) e lanche escolar.

O 'kit' refeição é gratuito para os alunos de escalão A da Ação Social e terá o valor unitário de 0,90Euro para os alunos beneficiários de escalão B e de 1,80Euro para os restantes alunos, acrescenta.

As refeições são levantadas nas escolas.

Todas as escolas de todos os níveis de ensino estão encerradas desde hoje e durante duas semanas, uma medida anunciada na quinta-feira pelo Governo para conter a pandemia de covid-19.

Além das escolas, também todas as creches e ateliês de tempos livres vão permanecer encerrados durante 15 dias, o mesmo acontecendo com os tribunais de primeira instância, que só funcionam para atos processuais urgentes.

As medidas, entre outras, foram anunciadas na quinta-feira pelo primeiro-ministro, António Costa, e seguem-se a outras já anteriormente tomadas para tentar conter a propagação da covid-19, que já provocou 9.920 mortes em Portugal.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.092.736 mortos resultantes de mais de 97,4 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 9.920 pessoas dos 609.136 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Leia Também: AO MINUTO: EUA chegarão às "mais de 600 mil mortes", diz Joe Biden

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório