Meteorologia

  • 04 MARçO 2021
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 16º

Edição

Ana Gomes espera "muito da colaboração entre Europa e Estados Unidos"

A candidata presidencial deu as "boas vindas" ao presidente norte-americano Joe Biden e à sua 'vice' Kamala Harris, que hoje tomam posse, dizendo esperar "muito da colaboração entre a Europa e os Estados Unidos".

Ana Gomes espera "muito da colaboração entre Europa e Estados Unidos"
Notícias ao Minuto

15:29 - 20/01/21 por Lusa

Política Joe Biden

"Penso que é absolutamente indispensável para regular questões que só podem ter regulação a nível global e se houver essa sinergia entre a Europa e os Estados Unidos", defendeu, questionada pelos jornalistas no final de uma visita à Escola de Medicina da Universidade do Minho, em Braga.

À cabeça, a ex-eurodeputada do PS apontou "a consolidação da democracia e dos direitos humanos", mas também a regulação de setores como as plataformas digitais ou os paraísos fiscais, que "agravam o fosso das desigualdades entre cidadãos e empresas".

"Espero também que os Estados Unidos consigam controlar a pandemia, que esteve sob uma gestão desastrosa com Trump, e tenham um papel no processo de disponibilização de vacinas, nomeadamente nos países menos desenvolvidos", disse.

Joe Biden toma posse hoje como Presidente dos EUA, numa Washington deserta, por causa da pandemia, e invadida por 25 mil soldados, por causa da segurança.

Os habitantes de Washington foram convidados a ficar em casa e a acompanhar virtualmente a cerimónia de tomada de posse de Joe Biden como 46.º Presidente dos EUA, para não correrem riscos sanitários, por causa da pandemia de covid-19, ou de segurança, lembrando ainda o ataque ao Capitólio, no passado dia 06.

Quem já prometeu que não ficará sequer em Washington é o Presidente cessante, Donald Trump, que assistirá à cerimónia a partir do seu clube em Mar-a-Lago, na Florida, rompendo com a tradição de estar presente na transferência de poderes.

Trump será o primeiro Presidente desde Andrew Jackson, em 1869, a recusar comparecer ao juramento do seu sucessor.

A tradição diz que o Presidente cessante e a primeira-dama dão as boas-vindas ao novo casal presidencial na manhã da cerimónia de investidura, antes de todos se deslocarem desde a Casa Branca até ao Capitólio.

O Governo cessante estará representando pelo seu vice, Mike Pence, que já telefonou à sua sucessora, Kamala Harris, dando-lhe os parabéns pela vitória nas eleições de 03 de novembro, ao contrário do que Trump fez com Biden.

Leia Também: Obrador diz coincidir com temas expostos pelo novo homólogo dos EUA

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório