Meteorologia

  • 04 DEZEMBRO 2020
Tempo
13º
MIN 6º MÁX 15º

Edição

Vacinas podem chegar entre o "final deste ano e o princípio do próximo"

O briefing desta sexta-feira será conduzido pelo Secretário de Estado da Saúde, Diogo Serras Lopes.

Vacinas podem chegar entre o "final deste ano e o princípio do próximo"

A conferência de imprensa de atualização de informação relativa à infeção pelo novo coronavírus é conduzida, esta sexta-feira, pelo Secretário de Estado da Saúde, Diogo Serras Lopes e já começou. 

No dia em que se bateu o recorde de casos de infeção (4.656) e de óbitos (40) relacionados com a Covid-19, em Portugal, Diogo Serra Lopes começou por frisar que estes números "são claramente superiores aos registados em março e abril e colocam ainda mais pressão sobre o SNS". Contudo, garante o mesmo, "o SNS respondeu, está responder e vai continuar a responder à pandemia" e precisa de ajuda dos cidadãos para reduzir esta "pressão".

"Tão fundamental como a capacidade de resposta é o dever de reduzir os contágios e essa está também nas nossas mãos. Só com um comportamento responsável seremos capazes de reduzir o número de infeções e a pressão sobre o SNS", salientou o governante, acrescentando que "temos pela frente semanas difíceis".

Ainda antes de passar às perguntas dos jornalistas,  Diogo Serras Lopes anunciou que, nas últimas 24h, verificou-se um aumento de 93 internados, seis dos quais em unidades de cuidados intensivos (UCI). O máximo de internados ao mesmo tempo em UCI é de agora 275, ultrapassando o número de abril (271).

A taxa de ocupação é assim de 84% em enfermarias e de 81% em unidade de cuidados intensivos (UCI).

Vacinas no "final deste ano, princípio do próximo"

Sobre as vacinas, o secretário de Estado da Saúde admitiu que o Governo e a DGS estão "esperançosos" que entre o "final deste ano e o princípio do próximo, naturalmente em quantidades limitadas", estas comecem a ser disponibilizadas e informou os jornalistas que o Governo deverá apresentar em breve Diogo Serras Lopes o plano de vacinação contra a Covid-19, mas que os critérios deste dependerão "de que vacinas se trata e de quantas estarão disponíveis nessa altura".

Já questionado sobre a realização do Moto GP, no dia em que se soube que há 14 casos de Covid-19 em equipas da Formula 1 que estiveram em Portimão, o governante reiterou apenas que "a evolução da pandemia faz com que todas as medidas e futuros eventos sejam permanentemente avaliados" e preferiu não tecer mais comentários sobre o cancelamento ou não do evento.

ARS do Norte já está a mandar doentes Covid para hospitais privados

O secretário de Estado da Saúde revelou, esta sexta-feira que "na ARS do Norte já existem doentes Covid-19 numa instituição de saúde privada".

Apesar disso, garantiu Diogo Serras Lopes "podemos garantir que os cuidados de saúde estão a ser assegurados". "A capacidade no Norte está assegurada", afiançou, repetindo que a capacidade é extensível.

Sobre este tema, o governante destacou ainda que "o SNS funciona em rede e é em rede que deve funcionar. Temos várias unidades hospitalares com capacidades diferentes", e elogiou a resposta do Centro Hospitalar Tâmega e Sousa, pressionado com o aumento de doentes.

Nesse sentido, as outras unidades na região estão já a receber doentes do Tâmega e Sousa.

"É prematuro tirar conclusões" quanto à mortalidade

Relativamente ao excesso de mortalidade de quase 8 mil, Diogo Serras Lopes frisou que é "algo que tem de ser estudado de forma cuidadosa, que exige a codificação das várias patologias inerentes ao óbito e estes estudos podem demorar o seu tempo [...]. É prematuro tirar conclusões".

O governante adiantou ainda que "serão feitos relatórios, já que tal é algo que tem de ser estudado de forma cuidadosa". Para o efeito terá de ser feita a "codificação das várias patologias inerentes" aos óbitos.

[Notícia em atualização]

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório