Meteorologia

  • 30 NOVEMBRO 2020
Tempo
16º
MIN 10º MÁX 18º

Edição

Covid-19: Mais 42 pessoas infetadas no Lar da Misericórdia de Sines

Mais 42 pessoas do Lar da Santa Casa da Misericórdia de Sines estão infetadas com o vírus que provoca a covid-19, num surto que já regista uma vítima mortal e um utente hospitalizado, foi hoje revelado.

Covid-19: Mais 42 pessoas infetadas no Lar da Misericórdia de Sines

A deteção destes 42 novos casos, dos quais 35 utentes e sete funcionários do lar de idosos, foi hoje divulgada numa conferência de imprensa conjunta da Câmara e da Santa Casa da Misericórdia de Sines (Setúbal) e da Unidade de Saúde Pública do Litoral Alentejano, realizada nos Paços do Concelho.

"Os cerca de 110 testes realizados ontem [segunda-feira], permitiram identificar 35 casos positivos entre os utentes e sete casos positivos entre os funcionários. Perante estes resultados, a autoridade de saúde decidiu testar amanhã [quarta-feira] os restantes funcionários e utentes do lar, num total de 320" pessoas, revelou o presidente da Câmara Municipal de Sines, Nuno Mascarenhas.

Com o surgimento de um número elevado de casos, no Lar Prats da Misericórdia, a Autoridade de Saúde Pública local realizou uma reunião de emergência com a Proteção Civil municipal, Santa Casa e Segurança Social "para ativar alguns meios importantes e implementar medidas para garantir uma resposta atempada", explicou a delegada de saúde de Sines, Fernanda Santos.

"Neste momento, todos os positivos estão isolados na instituição, assim como as pessoas de alto risco, noutro local. [A Misericórdia] tem capacidade para crescer até 78 camas", adiantou a delegada de saúde pública, que decidiu "encerrar as atividades do espaço do Centro de Dia e proceder à limpeza e desinfeção de todos os espaços antes da mudança dos utentes".

De acordo com a responsável, a Segurança Social também foi ativada "no sentido de responder aos recursos que vão ser necessários" nos próximos dias para fazer face a este surto na Misericórdia de Sines.

"Ainda não sabemos exatamente quantos, mas vamos precisar seguramente de alguns recursos, porque temos profissionais em isolamento, quer porque são [contactos] de alto risco, ou por estarem positivos", acrescentou.

Quanto aos 35 utentes que testaram positivo "estão todos assintomáticos" e "encontram-se bem", indicou a delegada de saúde que "desconhece para já a origem" deste surto.

Por determinação da Autoridade de Saúde Pública "vão ser feitos testes aos outros utentes da Santa Casa que não são idosos, no Lar de Infância e Juventude 'A Ancora' e na Casa de Acolhimento 'Mãe Sol', vão ser testados trabalhadores e residentes, embora não hajam interações entre estas duas respostas sociais e o Lar Prats", ressalvou o provedor da Misericórdia, Eduardo Bandeira.

O surto de covid-19 no Lar Prats da Misericórdia foi identificado no sábado, com os primeiros dois casos de utentes infetados, um deles uma mulher que morreu na segunda-feira no Hospital do Litoral Alentejano (HLA), em Santiago do Cacém, onde está também internado uma outra idosa.

No Lar Prats da Misericórdia de Sines, que tem 200 residentes, o vírus que provoca a covid-19 já infetou um total de 44 pessoas, nomeadamente 37 utentes -- incluindo a vítima mortal e o idoso internado -- e sete funcionários.

Na sequência destes dois primeiros casos, foram realizados mais de 100 testes de rastreio ao novo coronavírus SARS-CoV-2, entre utentes e profissionais do lar, cujos resultados foram hoje divulgados.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,1 milhões de mortos e mais de 43,5 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 2.371 pessoas dos 124.432 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório