Meteorologia

  • 30 NOVEMBRO 2020
Tempo
13º
MIN 10º MÁX 18º

Edição

27.500 na F1? "Poderá ser número grande para haver margem de segurança"

Sobre o distanciamento social, a delegada regional de Saúde do Algarve explicou que "houve situações em que foi complicado, porque as pessoas mudaram de lugar e aproximaram-se da zona superior das bancadas".

27.500 na F1? "Poderá ser número grande para haver margem de segurança"
Notícias ao Minuto

16:47 - 25/10/20 por Notícias Ao Minuto 

País Grande Prémio de Portugal F1

Ana Cristina Guerreiro, delegada regional de Saúde do Algarve, falou à TVI24 sobre as condições de segurança em que decorreu o Grande Prémio de Portugal, em Fórmula 1, este domingo no Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão. A responsável considerou que 27.500 pessoas dentro do recinto - a lotação que foi autorizada para o evento - pode ser elevado para a segurança ser mantida. 

"Eventualmente, poderá ser um número grande ainda, os 27.500, para haver uma margem de segurança, mas teremos de analisar", declarou. 

Já quanto ao distanciamento social, Ana Cristina Guerreiro explicou que "houve situações em que foi complicado, porque as pessoas mudaram de lugar e aproximaram-se da zona superior das bancadas e é difícil controlar para não estar a haver sempre confronto. Foi sugerido às pessoas, os vigilantes insistiram, mas não houve uma medida de força". 

Sobre se o cenário a que se assistiu dentro do Autódromo a preocupou, a delegada de Saúde foi taxativa: "Sim". No entanto, acrescentou, "as imagens são enganosas, por vezes" e "há muitas zonas onde não há concentração de pessoas".

A responsável fez ainda uma consideração sobre os desacatos que ocorreram antes do início da prova, ainda no momento da entrada dos espetadores. "Foram respeitados os números e quando chegou aos 27.500 foram fechadas as portas. Estavam algumas pessoas à porta, não eram muitas, tinham bilhete e foi decidido pelas autoridades de saúde que deixassem entrar esse grupo que estava à espera", esclareceu.

No plano desportivo, Lewis Hamilton reforçou, este domingo, a liderança isolada do Campeonato do Mundo de Fórmula 1, ao conquistar o Grande Prémio de Portugal. Feitas as contas, esta foi a 92.ª vitória do britânico, o que lhe permite tornar-se no piloto com maior número de Grandes Prémios conquistados na história da modalidade, superando os 91 de Michael Schumacher.

Recorde aqui o emocionado abraço de Hamilton ao pai após o triunfo no Algarve

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório